Home»BEM-ESTAR»COMPORTAMENTO»Sabe quem anda a espiar o seu Facebook?

Sabe quem anda a espiar o seu Facebook?

 A maioria das pessoas preocupa-se com a possibilidade de as suas contas das redes sociais serem invadidas por hackers, mas há uma maior probabilidade de estas serem invadidas por pessoas que lhe são próximas. 

Pinterest Google+
PUB

Não se preocupe tanto com os hackers, pois segundo um novo estudo da Universidade da Colúmbia Britânica, Canadá, são as pessoas que conhece que mais entram nas suas contas das redes sociais com frequência e sem permissão.

 

O estudo contou com a participação de 1.308 utilizadores adultos dos EUA no Facebook e descobriu que 24%, ou um em cada cinco, já tinha bisbilhotado as contas do Facebook dos seus amigos, parceiros românticos ou familiares, usando os próprios computadores ou telemóveis das vítimas.

 

Veja também: Uma vida sem Facebook é uma vida mais feliz

 

«É claramente uma prática difundida. As mensagens privadas, imagens ou vídeos no Facebook são alvos fáceis quando o proprietário da conta já está conectado e deixou o seu computador ou telemóvel ligado para futura visualização», diz Wali Ahmed Usmani, autor do estudo e aluno de mestrado em ciências da computação, num comunicado de imprensa.

 

As pessoas admitiram espiar os seus amigos, família e parceiros românticos por simples curiosidade ou diversão. Por exemplo, para mudar o estado da vítima ou mudar a foto de perfil para algo mais cómico. No entanto, também foram confessados motivos mais obscuros, como o ciúme ou a animosidade.

 

Veja tambem: Dicas para conseguir afastar-se do seu smartphone

 
«Os espiões ciumentos geralmente planeiam as suas ações e concentram-se nas mensagens pessoais», afirma o professor de ciências da computação, Ivan Beschastnikh, autor sénior do artigo. «E as consequências são significativas: em muitos casos, este ato origina o fim do relacionamento».

 

As descobertas destacaram a ineficácia das senhas e PINs dos dispositivo na interrupção do acesso não autorizado. Não há uma defesa que seja a melhor. No entanto, alterar as senhas regularmente e fazer outlog (sair da conta) quando não está a utilizar pode ajudar a evitar este tipo de situação.

Artigo anterior

80% das conversas online são iniciadas pelos homens

Próximo artigo

Exercício e dores nas costas