Home»FOTOS»Um monte perdido no mapa repleto de animais e atividades por descobrir

Um monte perdido no mapa repleto de animais e atividades por descobrir

O Monte Selvagem é um espaço muito grande, que lhe permite desfrutar de uma experiência de convívio com os animais ao ar livre. Nos seus 20 hectares, tem muitos animais para conhecer e até alimentar, zonas de lazer e brincadeira para os mais pequenos - com slides, baloiços e escorregas espalhados por toda a área - e agora também tem um projeto de arte ligado à natureza. A MOOD foi visitar o espaço e conta-lhe tudo.

Pinterest Google+

João Simões contou-nos que a ilustração das espécies autóctones portuguesas começou por prazer, mas que à medida que as ia fazendo foi reparando que a fauna portuguesa não estava bem representada e que havia algum desconhecimento da mesma por parte da população. «Foi quase por acaso que percebi. Quando desenhava uma doninha, havia quem me perguntasse, ‘Mas existem doninhas em Portugal?’ e eu respondia que sim e o mesmo se passou com o Açor [espécie animal]. Fui reparando que muitos dos animais que retratava as pessoas não sabiam que existiam no nosso país e eu achava estranho».

 

Esse desconhecimento da população motivou João Simões a continuar as ilustrações e começar a expor os seus trabalhos, com o objetivo de divulgar o que existe em Portugal a nível de espécie animal, mostrando a biodiversidade da fauna portuguesa.

 

VEJA TAMBÉM: O QUE NÃO PODE PERDER EM AVEIRO

 

Animais à solta

Mas o Monte Selvagem não é apenas isto. É um reino animal, onde famílias e crianças podem ter a experiência de ver animais de perto num ambiente natural e, essencialmente, sem a perceção de que estão enjaulados, vendo-os num espaço aberto, com o mínimo de limitações possível tendo em conta o animal, como é óbvio.

 

Além disso, num espaço denominado por ‘Quintinha’, é permitido aos visitantes entrar e alimentar animais como as cabras, ovelhas, coelhos, galinhas e perus, e até dar algumas festinhas (aos animais que permitem, é claro!).

 

Neste espaço existem dois tipos de passeios possíveis. Um deles é o pedestre, onde é possível encontrar burros, cangurus, esquilos, guaxinins, coatis, lebres da Patagónia, javalis, tartarugas, crocodilos, lémures, iguanas, vários tipos de macacos, suricatas e ainda renas. O outro é o passeio de trator, no qual os visitantes são levados para os limites do Monte e podem ver os animais mais selvagens num espaço muito mais amplo e repleto de elementos que o façam sentir como se no seu habitat natural estivessem. É neste último que se vê a magia do mundo animal.

 

VEJA TAMBÉM: DO SUDESTE ASIÁTICO PARA PORTUGAL: UM ESPAÇO DE MASSAGENS INOVADOR

 

À medida que um dos tratadores da reserva guia o trator, vai fazendo paragens para explicar o comportamento e algumas curiosidades dos animais que vai apresentando. É possível observar animais a reagir num ambiente seu, onde os intrusos são os visitantes. Lamas, iaques, emas, nandus, avestruzes, veados, zebras e watussis são algumas das espécies que estão presentes num espaço essencialmente verde, com pasto, lagos e muitas árvores.

 

Tratando-se este de um local com 20 hectares, há que dedicar um dia inteiro a esta aventura. ‘E os miúdos? Será que não vão ficar fartos?’, pensam muitos dos pais. Se estiverem cansados de andar e ouvir as explicações dos trabalhadores da reserva, existem diversos espaços dedicados aos mais novos, onde podem fazer slide, andar de escorrega e baloiço, pular num trampolim gigante, visitar pequenas casas feitas de madeira no cimo de pequenas árvores, entre outros.

 

É ainda importante referir que existem, ao longo de todo a reserva, vários locais dedicados às refeições, intitulados de ‘Parque das Merendas’, onde pode aproveitar para comer e descansar as pernas. O Monte Selvagem está aberto ao público durante nove meses do ano, sendo a primavera e o verão as alturas ideais para o visitar, pois é a altura em que os animais que estiveram menos ativos durante o inverno voltam a despertar para o mundo, cheios de força e energia. Veja algumas imagens na galeria no início da reportagem.

Artigo anterior

The Private Suite, o primeiro terminal de luxo dos EUA com comodidades cinco estrelas

Próximo artigo

Mulheres que consomem fast food levam mais tempo a engravidar