Vera de Melo – Psicologia

Psicóloga clínica. Escreve quinzenalmente à quinta-feira.

Cada vez mais nos cruzamos profissionalmente ou pessoalmente com pessoas que acham que o mundo gira em seu redor…. Autoproclamam-se importantes, extremamente necessários, como se fosse impossível a vida prosseguir sem a sua participação. Por Vera de Melo.

Para que este regresso seja um verdadeiro recomeço e seja vivido com tranquilidade, sugiro que prepare em conjunto com a criança a mochila emocional para levar para a escola. Por Vera de Melo.

Encontrar a “alma gémea” neste novo mundo que vivemos pode constituir-se como algo verdadeiramente complexo, mas não impossível. Por Vera de Melo.

O isolamento social que esta pandemia trouxe consigo traduziu-se num exame minucioso à qualidade da relação do casal. Se antes conviviam com outras pessoas e o tempo que passavam juntos se reduzia a uns pares de horas, com o isolamento passaram os dois a estarem fechados em casa, 24 sobre 24 horas, enfrentando assim, uma proximidade verdadeiramente forçada, criando...

Nunca uma especialidade gerou tanta polémica, tanta insegurança, causou tanta ansiedade, originou tantos mal-entendidos e motivou tantas conversas de café como a psicologia. Por Vera de Melo.

Não há famílias perfeitas, não há mães, pais perfeitos, não há pessoas perfeitas. Diria que é na imperfeição que reside a beleza da espécie humana. Por Vera de Melo.

Vemos a realidade através da lente com a qual vemos o mundo diariamente. E esta lente não é transparente, tem a cor das nossas experiências prévias, interesses, preconceitos. Por Vera de Melo.

Dia 1 de junho, data outrora assinalada por ser o Dia Mundial da Criança, será este ano marcado pelo regresso: pais aos trabalhos, filhos à creche. Por Vera de Melo.

Ser empático não significa apenas compreender quando as pessoas estão tristes, vai mais além, é sentir satisfação pela felicidade e pelo sucesso dos outros. É algo que efetivamente estava a tornar-se cada vez mais raro na sociedade e que neste novo mundo tem de ser uma realidade. Por Vera de Melo.

De um dia para o outro, a realidade como a conhecíamos mudou. O certo tornou-se incerto. O medo e a incerteza do amanhã podem levar à superproteção, reforçando a proliferação de ‘pais helicóptero’. Como o próprio nome indica, supervisionam os filhos de forma constante, superprotegendo-os. Por Vera de Melo.