Home»BEM-ESTAR»CORPO»Sol para que te quero…

Sol para que te quero…

Pinterest Google+

O sol é a fonte da vida e, parecendo que não, somos muito mais felizes quando o “temos”. Desde os primeiros raios de sol na primavera até aos últimos no verão, as pessoas estão muito mais felizes, motivadas, disponíveis, alegres, animadas lançando as depressões e tristezas para trás das costas.

 

Povos que são banhados pelo sol são povos mais alegres, mais disponíveis, comparativamente com povos que têm poucas horas de sol por dia ou que o sol até lá está, mas não se deixa ver, são poucos mais fechados e sisudos. Basta comparar populações: africanos com finlandeses, por exemplo.

 

Mas, sim, o sol dá-nos alegria e boa disposição, mas também nos dá a vitamina D. Esta vitamina é adquirida através do sol em contacto com a nossa pele. Dependendo do tipo de pele, pode ir de 10 a 20 minutos de exposição diária para fornecer as nossas necessidades.

 

Mas o que acontece nos dias de hoje, a nossa vida, é maioritariamente entre quatro paredes. Saímos de casa, entramos no transporte que nos leva até ao trabalho. Para quem sai à hora de almoço, entramos novamente no espaço de restauração, voltando ao trabalho e mais tarde voltando ao transporte que nos leva a casa. Eis a nossa vida e muito poucas pessoas realmente dispõem dos seus 20 minutos de sol.

 

É claro que a nossa população, sendo ela banhada por sol a maioria dos dias do ano, mas tendo este tipo de habito, é uma população com deficit de vitamina D. E aí, no lugar de alterar o hábito, recorre à suplementação, gastando dinheiro e não sendo de uma forma natural da sua penetração no nosso organismo.

 

Contudo, para que serve a vitamina D e porque é que ela é tão importante.

  • Ossos: A saúde óssea depende do cálcio, mas depende também, e muito, da vitamina D. A vitamina D potencializa a absorção de cálcio bem como a sua fixação. Tal é válido para qualquer idade.
  • Imunidade: Tem a capacidade de estimular o sistema imunitário tendo uma ação antimicrobiana[i].
  • Reprodução: Melhora a mobilidade dos espermatozoides melhorando assim a capacidade reprodutiva nos homens[ii].
  • Cancro: A vitamina D está associada à diminuição do cancro do colon[iii].
  • Respiratória: A vitamina D melhora quadros de asma[iv].

De notar que a pele muito bronzeada, tecido cutâneo envelhecido e morto pode prejudicar a produção de vitamina D, mas, caso ingira uma boa dose de alimentos ricos em carotenoides como os alimentos que possuem pigmentos alaranjados, essa situação já não se coloca, uma vez que os carotenoides lutam contra o stress oxidativo e são potentes protetores cutâneos.

 

 

Artigo anterior

Como ter uma boa imagem cheia de estilo sem ser uma fashionista

Próximo artigo

Amber Heard doa dinheiro do divórcio à caridade