Home»ATUALIDADE»ESPECIALISTAS»Silhueta oval ou maçã: 7 dicas para equilibrar e favorecer este tipo de corpo

Silhueta oval ou maçã: 7 dicas para equilibrar e favorecer este tipo de corpo

No que diz respeito aos tipos de corpo ou biótipos, não há certos nem errados, é sim muito importante reconhecer a nossa silhueta, aceitá-la exatamente como é.

Pinterest Google+

No que diz respeito aos tipos de corpo ou biótipos, não me canso de repetir, não há certos nem errados, é sim muito importante reconhecer a nossa silhueta, aceitá-la exatamente como é (porque vamos parar de lutar com o nosso corpo. Boa?). E, a querermos parecer mais favorecidas, confiantes ou o que for saber vesti-la da melhor maneira.

 

Hoje o visado é o biótipo oval ou maçã que se carateriza por ter o peso visual mais concentrado na zona abdominal e no peito. Acaba por ser mais visível em quem tem algum excesso de peso concentrado mais nesta zona central e que acaba por recair na categoria plus size (aka miúdas nomais!).

 

Muitas vezes, esse aumento de peso não é bem aceite e lá andamos nós à luta com dietas e afins, que só acabam por nos fazer sentir pior, e esfomeadas. Mas é possível vestir, e bem, um corpo que não reconhecemos ou aceitamos (ainda!)

 

E no caso do ovinho, em que a barriga é mais proeminente e nos parece dificultar bastante na hora de vestir, há dicas e truques infalíveis que equilibram melhor esta silhueta e a farão parecer mais alongada, proporcional e feminina:

 

– Peças cintadas! Contra a falta de uma cintura definida, apostem em peças cintadas e estruturadas que vos definam melhor a forma e, por isso, recorram a blazers e outros casacos ajustados (de preferência a terminar na anca, não mais compridos), vestidos cintados ou com cinto acrescentado ou tops com peplum que acabam por cintar e disfarçar a barriguinha;

 

– Tops soltinhos, o que não significa 20 tamanhos acima. No vosso tamanho, blusas mais soltas que podem inclusive usar por dentro com alguma folga para não marcar a zona da barriga;

 

– Apostarem no uso da terceira peça, seja com casacos ou coletes, que ajudam a criar uma linha vertical central que ajuda a alongar e a retirar o foco de atenção da zona da barriga;

 

– Calças e saias com tecido estruturado, sem volumes, e de cintura mais alta ou média, com perna mais larga ou a abrir, ajudam a disfarçar a zona da barriga, a criar uma cintura mais definida por oposição de larguras e a equilibrar, no todo, a silhueta;

 

– Looks em tom monocromático, ou seja, todo de uma cor, sem fazer contraste, porque permite alongar a figura e, se forem cores escuras, adelgaçar toda a silhueta no geral;

 

– Apostem também em decotes em V ou mais abertos que permitem alongar o colo do peito e retirar a ênfase da atenção nessa zona;

 

– Por último, aceitem e abracem as vossas curvas e cuidem-se e mimem-se com roupas e acessórios que façam realçar o que têm de melhor, que tragam ao de cima o vosso mais alto nível de confiança que vai, sem dúvida, melhorar o vosso dia e de quem vos rodeia!

 

 

Artigo anterior

E o melhor gelado português é…

Próximo artigo

Os homens e o sexo: desvende as verdades e os mitos