Home»ATUALIDADE»ESPECIALISTAS»Sexo de reconciliação

Sexo de reconciliação

Discussões acontecem em qualquer relação. E durante o casamento podem mesmo intensificar-se. Imagine que são duas pessoas com valores diferentes a viver sob o mesmo teto. Os desentendimentos, às vezes, dão muito pano para mangas.

Pinterest Google+

Certa vez, uma paciente ficou um mês sem olhar para o marido, sem trocar uma única palavra em 30 dias. Tentei imaginar como conseguiu essa façanha, já que morava na mesma casa. Contou depois ter utilizado a técnica dos fones. Todas as vezes que o marido chegava, ela colocava os fones com música bem alta.

 

Fazer as pazes, quase sempre, depende de um dos lados saber ceder. E não há nada melhor para reviver o romance do que terminar o conflito debaixo dos lençóis. Este tipo de sexo de reconciliação dá mais gás e mais energia porque, quando as pessoas estão a discutir ou a conversar, têm um nível de emoção maior e a ligação com o parceiro também aumenta.

 

Mas, cuidado: a prática não pode tornar-se uma constante na relação. O importante é não condicionar o sexo bom e prazeroso com os desentendimentos, senão, o casal passa a ter uma dinâmica um pouco viciada. E qualquer vício é ruim.

 

Lembre-se: O bom da vida é amar, fazer sexo e desfrutar! Há muitas dicas no meu canal do youtube e nas minhas redes sociais. É só seguir!

Artigo anterior

Os abdominais definem-se à mesa!

Próximo artigo

Governo oficializa novo sistema de Braille