Home»GLAMOUR»BELEZA»Setor da beleza profissional lança dístico de segurança

Setor da beleza profissional lança dístico de segurança

A iniciativa ‘O Seu Espaço Seguro’ reforça o compromisso dos espaços de beleza profissional com as medidas de contenção do novo coronavírus. Para receberem o manifesto e dístico ‘Espaço Seguro’, os cabeleireiros, barbearias, institutos e espaços de beleza profissional têm de declarar o seu compromisso com o cumprimento destas medidas.

Pinterest Google+

As associações e clubes artísticos representantes do setor da beleza profissional, em Portugal, uniram-se para reforçar o compromisso com um conjunto de regras e recomendações essenciais de segurança para profissionais e clientes.  O sector lança a iniciativa ‘O Seu Espaço Seguro’, que se materializa num manifesto e dístico que reforçam a garantia de cumprimento das medidas de segurança e de higiene para a contenção da COVID-19, implementadas na reabertura dos estabelecimentos dos cuidados pessoais no início de maio.

 

Este é um apelo do setor para que todas as empresas mantenham o seu esforço em elevados níveis de higiene e segurança, reforçando a confiança dos seus clientes.

 

De acordo com um estudo realizado pela Netsonda, em junho, e com mulheres entre os 18 e 64 anos de Portugal Continental, as consumidoras portuguesas valorizam e sentem-se mais confiantes com a existência de um selo de higiene e segurança nos espaços de beleza profissional. Mais de 50% das consumidoras afirma que a existência de um selo influenciaria a sua escolha.

 

Para receberem o manifesto e dístico ‘Espaço Seguro’, as empresas do setor, como cabeleireiros, barbearias, institutos e espaços de beleza profissional, têm de declarar o seu compromisso com o cumprimento destas medidas. A declaração tem de ser submetida no site da iniciativa em https://www.oseuespacoseguro.pt/, onde podem também ser consultadas todas regras e recomendações, concertadas com a Direção-Geral da Saúde. Depois de submetida esta declaração e do cumprimento dos procedimentos seguintes os aderentes podem utilizar o manifesto e o dístico ‘Espaço Seguro’ fisicamente nas suas instalações e nas suas plataformas digitais.

 

«Colaborámos, desde o início, com a Direção-Geral da Saúde e com o Governo para respondermos de forma segura às necessidades dos portugueses. Desde a reabertura dos estabelecimentos temos feito tudo para garantir que as medidas de contenção são devidamente cumpridas e que conseguimos fazer o nosso trabalho em segurança, com qualidade, profissionalismo e sem perigo de contágio,» afirma Fernando de Sousa, presidente da Associação dos Cabeleireiros de Portugal.

 

Estas medidas incluem, entre outras, a imposição de um número limitado de pessoas dentro de um estabelecimento, por forma a que se garanta o distanciamento e acesso aos serviços apenas por marcação, evitando assim grandes aglomerados de pessoas; higienização regular do espaço comercial; obrigatoriedade de utilização de máscaras, desinfeção e lavagem frequente das mãos pelos profissionais e pelos clientes; desinfeção e esterilização dos utensílios profissionais, bem como a utilização de descartáveis e/ou esterilização dos materiais não descartáveis que são de utilização única.

 

«Com as regras implementadas e com profissionais qualificados, estamos empenhados em garantir que os cabeleireiros, barbearias, institutos e espaços de beleza profissional são espaços seguros e continuar a garantir aos Portugueses o acesso a cuidados de beleza, higiene e bem-estar», reforça Miguel Garcia, presidente da Associação Portuguesa de Barbearias, Cabeleireiros e Institutos de Beleza.

 

 

 

 

Artigo anterior

Estudo explica porque certas músicas não nos saem da cabeça

Próximo artigo

Silhueta oval ou maçã: 7 dicas para equilibrar e favorecer este tipo de corpo