Home»VIDA»CASA & FAMÍLIA»Saiba quantas horas deve dormir uma criança consoante a idade

Saiba quantas horas deve dormir uma criança consoante a idade

Os especialistas de sono têm feito centenas de estudos para determinar quantas horas as crianças devem dormir para estarem no auge da sua saúde. No Dia da Criança, vamos rever a matéria.

2
Partilhas
Pinterest Google+

Um grupo de especialistas do sono, convocado pela ‘Academia Americana de Medicina do Sono’, emitiu recomendações de sono que já foram aprovadas por uma série de grupos de saúde. As recomendações dos especialistas, aprovadas pela ‘Academia Pediátrica Americana’, foram feitas com bases nos resultados encontrados em 864 estudos que seguiram o sono de crianças e os seus resultados na área da saúde.

 

Segundo a análise feita, é recomendado que os bebés entre os quatro e os 12 meses durmam entre 12 a 16 horas; as crianças entre um a dois anos devem dormir 11 a 14 horas; entre os três e os cinco anos de idade devem dormir dez a 13 horas; aquelas que têm entre seis a doze anos de idade devem dormir nove a 12 horas e, por fim, recomenda-se que os adolescentes durmam entre oito a dez horas por noite.

 

Veja também: Curiosidades sobre o sono

 

A grande maioria dos adultos não dorme o suficiente, o que pode ter efeitos duradouros sobre a saúde, incluindo patologias como obesidade e doenças cardíacas. As crianças têm mais tempo para dormir que os adultos, no entanto, com a intrusão dos smartphones, tablets e redes sociais, as crescentes pressões na escola e afins são fatores que contribuem para manter as crianças acordadas à noite.

 

A análise concluiu que as crianças que dormem as quantidades de horas recomendadas têm menos problemas de atenção, comportamento e aprendizagem, assim como menores taxas de obesidade, hipertensão e depressão. Há, no entanto, um limite para o benefício, visto que o excesso de sono foi associado a maiores taxas de diabetes, obesidade e problemas de saúde mental.

Artigo anterior

The Beer Promenad: chegou o primeiro festival de cerveja artesanal de Cascais

Próximo artigo

Sexo: os segredos das estrelas