Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»Revista cor-de-rosa estreia na Escola de Mulheres a 10 de fevereiro

Revista cor-de-rosa estreia na Escola de Mulheres a 10 de fevereiro

O espetáculo aborda o panorama atual das artes performativas em Portugal, procurando criar humor a partir do desfasamento entre o brilho do estrelato e a real condição artística, escondida atrás das cortinas do teatro.

Pinterest Google+
PUB

Revista cor-de-rosa é a nova criação de Ana Sampaio e Maia, que revisita a Revista à Portuguesa, dando-lhe uma nova abordagem. O espetáculo estará em cena no espaço Escola de Mulheres, em Lisboa, de 10 a 20 de fevereiro, em estreia absoluta.

 

Edificado a partir dos códigos cénicos característicos do Teatro de Revista, Revista cor-de-rosa pretende ser uma revisitação e reinvenção deste género teatral, partindo da sua natureza cómica e satírica. Com texto e direção artística de Ana Sampaio e Maia, o espetáculo aborda o panorama atual das artes performativas em Portugal, procurando criar humor a partir do desfasamento entre o brilho do estrelato e a real condição artística, escondida atrás das cortinas do teatro.

 

VEJA TAMBÉM: NO INVERNO OS AÇORES SÃO AINDA MAIS BELOS

 

Um escrutínio à condição social dos artistas emergentes em Portugal, que convida o público a rir-se da desgraça, ao mesmo tempo que reflete sobre temas tão sérios como a discriminação de género, o reconhecimento do grande público nas artes performativas ou o abuso do poder hierárquico.

 

Revista cor-de-rosa conta com dramaturgia de Ana Sampaio e Maia, música original de André Júlio Turquesa e interpretação de Ana Sampaio e Maia, Catarina Clau, Joana Cotrim, Miguel Cunha, Rita Morais e Sérgio Brito.

 

O espetáculo estará em cena na Escola de Mulheres de 10 a 20 de fevereiro, sempre de quinta a sábado, às 21h, e domingos, às 18h. Os bilhetes já se encontram disponíveis.

 

Artigo anterior

Dores nas costas: cuidados a ter com a postura em situação de teletrabalho

Próximo artigo

Cinco mudanças alimentares para um 2022 mais saudável e feliz