Home»BEM-ESTAR»CORPO»Respire fundo e melhore a sua condição física

Respire fundo e melhore a sua condição física

Muitas das complicações que dão origem a dor, como a de ombros, costas ou pescoço, podem ser eliminadas com a prática da consciencialização respiratória.

Pinterest Google+

Sou uma grande defensora do uso de exercícios respiratórios, tanto quanto defendo os benefícios do treino de força. Na minha prática, uso exercícios respiratórios como parte da estratégia central, no desenvolvimento de uma boa aptidão e saúde motora.

 

E quando falo de exercícios respiratórios não falo de treino aeróbio. Falo de exercícios que façam uso de respirações profundas combinadas com movimentos de tronco e/ou membros, permitindo o trabalho dos vários músculos que participam no processo respiratório. Falo também da tomada de consciência da respiração e da sua relação com a postura, com a força central e a estabilização das cinturas escapular e pélvica nos movimentos, desde os mais comuns ou simples, aos mais desafiantes.

 

VEJA TAMBÉM: VAI INICIAR-SE NO YOGA? CONHEÇA OS VÁRIOS TIPOS

 

Vejo que muitas das complicações que dão origem a dor, como a de ombros, costas ou pescoço, podem ser eliminadas com a prática da consciencialização respiratória.

 

Acredito que o grande sucesso de modalidades como o Pilates está no facto de ter como base os tão necessários exercícios respiratórios. E quem não ouviu já falar daquela pessoa que começou a fazer meditação usando a respiração como estratégia central, e que ficou sem dores musculares/articulares?

 

Também poderei dar o exemplo do yoga, que, se for bem praticado, integra a respiração e a consciencialização corporal como pilar central. Mais uma vez, um bom exemplo de modalidade que é muito procurada por quem tem dores, e que poderá ser uma mais valia, desde que bem conduzida por um profissional que conheça as contraindicações dos seus alunos e use de facto a consciencialização corporal e a respiração, não apenas o ensino das posturas.

 

VEJA TAMBÉM: A POSTURA SMS E OS EFEITOS NA COLUNA (SEGUNDO UMA OSTEOPATA)

 

A maior parte das pessoas que avalio diariamente necessita urgentemente de trabalhar a respiração. E para quê?

  • Melhoria da oxigenação dos órgãos em geral,
  • Melhor nutrição dos tecidos mais periféricos,
  • Desenvolvimento da musculatura profunda do tronco
  • Fortalecimento da musculatura do soalho pélvico
  • Melhoria dos alinhamentos, ou seja, da postura
  • Alívio de tensão muscular, muitas vezes residente em musculatura respiratória acessória
  • Alívio de dores, principalmente de ombros, pescoço e costas

 

Muitas das complicações que conduzem à dor poderiam ser pacificamente aliviadas com exercícios respiratórios. Gosto, por isso, de integrar exercícios respiratórios, desde o primeiro treino. Vejo muito bons resultados com esta prática: não realizo prescrição de exercício que não inclua treino de consciencialização respiratória!

 

Artigo anterior

Quantos cafés já bebeu hoje? Nutricionistas explicam o seu efeito no organismo

Próximo artigo

Noites mal dormidas dão mais fome