Home»BEM-ESTAR»COMPORTAMENTO»Qual a sua melhor competência? Está a pô-la em prática?

Qual a sua melhor competência? Está a pô-la em prática?

Você está mesmo a fazer aquilo que sabe fazer melhor? Muitos ligam o piloto automático e deixam a rotina leva-los por caminhos que não emocionam, não satisfazem.

Pinterest Google+
PUB

Alguma vez já se questionou sobre as suas reais competências e habilidades? Sobre o quanto do seu potencial usa no seu dia a dia? Você realmente faz aquilo de que gosta no trabalho? Aplica o seu real conhecimento com paixão e entusiasmo? Ou trabalha no piloto automático porque “é o que tem para hoje” e garante o salário ao fim do mês?

 

Há algum tempo almocei com uma amiga brasileira, atriz e jornalista de formação, apaixonada pelo palco e pelas artes! Já fez vários cursos renomados de teatro, dança, TV, além de já ter feito algumas peças e participações em séries e novelas da Rede Globo (emissora de TV do Brasil). Durante o período em que investia no desenvolvimento do seu potencial artístico e jornalístico, engravidou e optou por sair de cena para se dedicar ao primeiro filho.

 

Veja também: 10 mandamentos para ter uma vida feliz

 

Hoje, seis anos depois, voltou a investir fortemente em contatos e oportunidades para voltar ao meio artístico. Em paralelo, recebeu uma proposta para mudar o foco e entrar no mercado de vendas. Neste momento ela teve dúvidas se deveria mesmo investir tempo e dedicação em algo com o qual não se identifica, que não fazem os seus olhos brilharem. Felizmente, ciente das suas habilidades, competências e conhecimentos, optou por apostar naquilo em que realmente é boa, potencializando as suas forças e superando as ameaças do meio artístico!

 

Situações e dúvidas como esta são vividas por muito mais pessoas do que imaginamos. Muitos ligam o piloto automático e deixam a rotina leva-los por caminhos que não emocionam, não satisfazem.

 

Veja também: Gostaria de trabalhar em casa? Há regras a cumprir

 

As desculpas, ou motivos, são vários! Engolidos pelo senso de emergência, ao qual somos induzidos no dia a dia, não paramos para pensar se, de facto, estamos investindo os nossos melhores conhecimentos naquilo que realizamos diariamente. Por vezes, até esquecemos quais são estas competências e habilidades. E você, sabe no que realmente é bom?

 

Pare agora durante cinco minutos e faça uma lista de situações ou coisas que realizou e que superaram as suas expectativas. Pronto? Agora identifique as palavras-chave que descrevem as suas competências em cada uma destas realizações. Com este rápido exercício de autoconhecimento, é capaz de resgatar informações esquecidas dentro de si mesmo!

Artigo anterior

Maioria dos profissionais de saúde aponta falhas no acompanhamento de diabéticos nos cuidados de saúde em Portugal

Próximo artigo

Parlamento Europeu proíbe plástico descartável até 2021: conheça a estratégia