Home»BEM-ESTAR»COMPORTAMENTO»Quais as forças que o paralisam?

Quais as forças que o paralisam?

Entenda quais os pensamentos o impedem de agir e como fazer para os superar!

Pinterest Google+

Lembra-se daquele projeto fantástico que dependia apenas de si para ser concluido, mas no meio do caminho começou a questionar-se a respeito da sua capacidade de realização ou do seu potencial? E aquela outra vez em que poderia realizar o seu sonho de vida e, antes mesmo de dar o primeiro passo em direcção a ele, foi congelado por uma voz interior dizendo que “nunca iria conseguir nada na vida” ou que “nunca teria dinheiro suficiente” ou ainda que “está muito velho para sonhar”.

 

Estes pensamentos são chamados de crenças limitantes e estão registadas no nosso subconsciente, como representação de situações que vivemos no passado ou de coisas que ouvimos e que se tornaram verdade, influenciando profundamente o nosso comportamento.

 

Veja também: Os erros a evitar num encontro de trabalho

 

As crenças surgem de várias fontes: educação, família, traumas, experiências repetidas, cultura ou ambiente familiar. As crenças têm uma influência negativa mais forte quando vivenciadas na infância, podendo afetar a autoconfiança e a autoestima para o resto da vida. Por exemplo, quando um pai diz ao filho, repetidas vezes, que é preguiçoso, que nunca será nada na vida, e que o irmão é mais bonito ou mais inteligente. A criança irá carregar estas informações, no seu subconsciente, ao longo de sua vida adulta, acreditando que nunca será capaz de realizar nada significante.

 

Assim como temos as crenças limitadoras, também temos as crenças positivas, que nos impulsionam na busca de resultados positivos. Uma das técnicas para eliminarmos estas crenças negativas é prestar-lhes atenção para podermos criar uma nova programação mental, com uma visão mais positiva e optimista de si próprio e da vida.

 

Veja também: Sabe o que os seus colegas de trabalho pensam sobre si?

 

Mas como posso fazer isso?

O mais importante é identificar quais são as crenças e pensamentos que o boicotam e em quais situações se fazem mais presentes: dinheiro, relacionamentos, desafios, carreira? De seguida, recorde qual a origem desta crença, o que gerou este registo em sua memória. Desta forma, será capaz de criar consciência daquilo que precisa mudar reconhecendo o que o limita a agir em determinadas situações e porquê.

 

Ao ter consciência das suas crenças limitantes, estará mais seguro para as trocar por crenças fortalecedoras; isto é, sempre que estes pensamentos pessimistas surgirem, substitua-os por frases e sentimentos positivos e encorajadores. Se tiver dificuldade em pensar em algo motivador, lembre-se das situações em que obteve sucesso e que o fez sentir-se otimista e fortalecido.

 

Podemos escolher os nossos pensamentos e as nossas crenças e, assim, criar uma vida mais positiva. Um dos fatores essenciais para o sucesso é acreditarmos naquilo que nos impulsiona, criando oportunidades para que o alcancemos de forma mais eficaz.

 

Artigo anterior

Os benefícios do kefir e como pode ser consumido

Próximo artigo

Sinais de que o stress se pode estar a transformar numa depressão