Home»S-Vida»Probiótico encontrado no iogurte pode reverter sintomas de depressão

Probiótico encontrado no iogurte pode reverter sintomas de depressão

O estudo descobriu um mecanismo específico que explica o modo como as bactérias afetam o humor, proporcionando uma ligação direta entre a saúde do microbioma intestinal e a saúde mental.

Pinterest Google+
PUB

Cientistas da Faculdade de Medicina da Universidade de Virgínia, EUA, conseguiram reverter sintomas de depressão em ratos ao alimentá-los com Lactobacillus, uma bactéria probiótica encontrada nos iogurtes com culturas vivas.

 

Com base nas descobertas, os investigadores estão otimistas de que os resultados obtidos também podem ser igualmente eficazes em seres humanos com depressão. «A grande esperança para este tipo de pesquisa é que não precisamos de nos preocupar com medicamentos complexos e efeitos colaterais quando podemos apenas ‘brincar’ com o microbioma», explica o autor principal do estudo, Alban Gaultier.

 

VEJA TAMBÉM: OS MÚLTIPLOS BENEFÍCIOS DOS PROBIÓTICOS

 

A depressão é um problema que afeta muitas pessoas e, por norma, os tratamentos, como os antidepressivos, «não são muito bons porque vêm com enormes efeitos colaterais», acrescenta o autor.

 

Tendo em conta que o stress aumenta as hipóteses de depressão, os autores começaram por submeter os ratos de laboratório a situações de stress. A experiência resultou na perda de Lactobacillus que, por sua vez, originou sintomas de depressão.

 

VEJA TAMBÉM: PSICÓLOGA ALERTA PARA PRIMEIROS SINAIS DE DEPRESSÃO

 

Ao alterarem a alimentação dos ratos, adicionando a bactéria Lactobacillus, observaram que a mudança alterou o humor dos ratos para melhor. Segundo o estudo, a explicação do caso reside no seguinte: a quantidade de Lactobacillus no intestino afeta o nível de um metabólito no sangue designado kynurenine, condutor de depressão. Quando o Lactobacillus foi diminuído no intestino, os níveis de kynurenine subiram e resultaram em sintomas de depressão.

 

No futuro, os investigadores pretendem testar a teoria em seres humanos com depressão. E, embora não haja mal em comer iogurtes durante uma depressão, quem recebe tratamento para esta condição não deve deixar de tomar os medicamentos receitados pelo médico sem a sua consulta, aconselham os autores do estudo.

Artigo anterior

Restaurantes insólitos pelo mundo

Próximo artigo

Sexo: os segredos das estrelas