Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»Primeiro festival das Reservas da Biosfera portuguesas

Primeiro festival das Reservas da Biosfera portuguesas

O evento pretende valorizar o território, o desenvolvimento económico e sustentável da rede de Reservas da Biosfera em Portugal. Decorre entre 21 de abril e 7 de maio.

Pinterest Google+
PUB

Pela primeira vez, as Reservas da Biosfera (RB) portuguesas vão ser palco de um festival conjunto com exposições, oficinas artísticas, showcookings, trilhos e visitas guiadas, debates e música.

 

O Festival das Reservas da Biosfera de Portugal decorre entre 21 de abril e 7 de maio, com a abertura a decorrer em Santana e na Graciosa. Já o encerramento do festival está marcado para a RB das Berlengas.

 

As restantes Reservas aderentes participam através da realização de “eventos espelho” promovidos localmente, envolvendo instituições e população residente nesses territórios.

 

Para o primeiro dia do festival, na RB de Santana, está prevista a abertura da Feira Agrícola e uma sessão de cinema “Cartas de Fora”, de Luís Miguel Jardim.  Já na ilha da Graciosa haverá a inauguração de várias exposições, música, ateliês, palestras, gastronomia e divulgação da Marca Biosfera Açores, no Picadeiro António Maria da Cunha. Também na RB das Berlengas, está prevista a inauguração da exposição “BerlengAzul – A Riqueza abaixo da linha de Água”.

Berlengas

As iniciativas continuam no segundo dia com showcookings sobre a famosa queijada da Graciosa e o caldo de peixe, na RB da Ilha Graciosa, e as comemorações do Dia Mundial da Terra, na RB da Ilha do Porto Santo. Na RB de Santana o dia é pontuado por uma Feira do Pão e Artesanato.

 

Na agenda do Festival das Reservas da Biosfera de Portugal, que se prolonga até ao dia 7 de maio, estão ainda previstas atividades como a visita orientada à Ilha da Berlenga: Das Pardelas aos Piratas e Residências Artísticas, na RB das Berlengas, limpeza subaquática, na RB da Ilha da Graciosa, percursos pedestres e exposições de projetos desenvolvidos pelas próprias reservas.

 

O evento pretende valorizar o território, o desenvolvimento económico e sustentável da rede de Reservas da Biosfera em Portugal. Além disso, tem como objetivo acrescentar valor e conhecimento científico aos territórios portugueses classificados pela UNESCO, através da partilha de conhecimento e boas práticas entre cidadãos e residentes, entidades públicas e privadas.

 

O festival é promovido pela Quaternaire, em colaboração com as Reservas da Biosfera de Portugal, e decorre no âmbito do Projeto “Reservas da Biosfera: territórios sustentáveis, comunidades resilientes”. As entradas são gratuitas, mas a maioria das atividades estão sujeitas a inscrição prévia e com vagas limitadas.

 

 

Artigo anterior

Plataforma com viagens e experiências surpresa chega a Portugal

Próximo artigo

Porque me devo vacinar?