Home»GLAMOUR»MODA»Portojóia mostra o que está a mudar na joalharia portuguesa

Portojóia mostra o que está a mudar na joalharia portuguesa

A joalharia portuguesa está a mudar a um ritmo frenético e nesta edição do Portojóia, que decorre de 27 a 30 de setembro, pode assistir a estas mudanças ao vivo. Novos designers, novas tendências e novas formas de comunicar com o consumidor são algumas das novas abordagens a apresentar. E no final há um prémio.

Pinterest Google+
PUB

A tradição já não é o que era e nem a joalharia escapa a esta moda. A joalharia portuguesa está a passar por um processo de renovação e a alteração que estes estão a implementar poderá ser vista na edição da Portojóia, que decorre de 27 a 30 de setembro, na Exponor, em Matosinhos.

 

Novos designers, novas tendências e novas formas de comunicar com o consumidor final são algumas das alterações que a joalharia portuguesa está a assistir e poderão ser vistas na 29ª edição da Portojóia, certame que surge totalmente renovado e dedicado a identificar quais serão as tendências e os comportamentos que o setor vai viver nos próximos anos.

 

VEJA TAMBÉM: DIAMANTES: PORQUE SÃO AS PEDRAS MAIS VALIOSAS DO MUNDO?

 

«O mercado da joalharia está a evoluir a um ritmo vertiginoso e é imperativo acompanhar as novas dinâmicas e tendências. Sendo um evento dirigido a profissionais, queremos que a Portojóia se posicione como motor desta mudança, uma plataforma de partilha de informação e de inspiração, que contribua para impulsionar toda esta dinâmica que o setor vive atualmente», diz Amélia Monteiro, diretora do Portojóia.

 

A Portojóia apresenta várias iniciativas, workshops e espaços que espelham o que se está a passar no setor e traçam novas diretrizes para o futuro. Uma destas novas iniciativas é a ‘Art & Jewels’, que vai juntar jovens promessas da joalharia nacional com designers de diferentes áreas ligadas à moda e à arte, para desenvolverem coleções exclusivas que são apresentadas em primeira mão no evento.

 

Um outro espaço novo vai ser o ‘Jewels Box’, que serve como montra de tendências e venda de joias. Na ‘Pure Jewels’ podem ser adquiridas joias de duas marcas de luxo. A Portojóia afirma-se cada vez mais como um observatório de tendências e seguindo as previsões do Trendvision Forecasting, durante esta iniciativa poderá ser vista uma rigorosa curadoria de peças que respondem às tendências ‘The Need of Me’, tema que serve de mote a todo o evento e sugere peças com personalidade como forma de autoexpressão.

 

VEJA TAMBÉM:  AS JOIAS CERTAS PARA O SEU SIGNO

 

Tal como nos anos anteriores, o Portojóia (que cresce a cada edição) dá palco à joalharia de autor e aos jovens designers que têm aqui a oportunidade de se apresentarem ao mercado. Nesta edição estão presentes 40 marcas e o convidado de honra, que terá um espaço próprio onde será feita uma retrospetiva da sua carreira, marcada por vários prémios e reconhecimentos internacionais, é Valentim Quaresma, um dos maiores nomes da joalharia nacional.

 

O talento e a criatividade vão ser aplaudidos com a entrega dos prémios Best of Portojóia e ‘Portojóia Design’, que pretende distinguir os novos talentos. Estes prémios vão ser entregues no dia 28 de setembro.

Artigo anterior

Contraceção: métodos naturais ou farmacológicos?

Próximo artigo

Abortos de repetição: causas genéticas e fatores ambientais