Home»BEM-ESTAR»COMPORTAMENTO»Está sempre a ir ao Google? Pode estar a destruir a sua inteligência sem saber

Está sempre a ir ao Google? Pode estar a destruir a sua inteligência sem saber

É daquelas pessoas que à mínima dúvida procura a resposta no Google? E que, ao mesmo tempo, devora um pacote de batatas fritas? Pois saiba que isto pode estar a afetar a sua inteligência.

Pinterest Google+

Desde 1930 que o QI (Quociente de Inteligência) revelou um aumento graças às melhores condições de vida, nutrição e educação. No entanto, os cientistas têm levantado algumas preocupações na última década, uma vez que os níveis de QI têm sofrido um declínio e a inteligência coletiva caiu um ponto de QI nos últimos 50 anos.

 

Aprender é um processo que não estagna, mas a inteligência pode ser afetada de forma negativa por vários fatores do quotidiano. E parece ser esse o caso nos dias de hoje.

 

VEJA TAMBÉM: OS SIGNOS E O TIPO DE INTELIGÊNCIA

 

De acordo com vários especialistas, os avanços da tecnologia tiveram (e têm) um forte impacto no modo como o cérebro funciona. Ao que parece, esta modernização torna as vias neuronais mais lentas, mais densas e menos capazes de gerar pensamentos originais.

 

Mas não é só o recurso recorrente às novas tecnologias para ‘pensarem por nós’ que nos estão a toldar a inteligência. a alimentação atual também. Um estudo recente realizado pela Universidade de Montreal, Canadá, descobriu que comer grandes quantidades de gordura saturada também pode ter um efeito significativo sobre as funções do cérebro, ao danificar os circuitos neuronais que regulam a motivação, e pode mesmo levar a uma espécie de vício.

 

Veja na galeria, no topo deste artigo, os comportamentos que podem afetar a sua capacidade cognitiva.

 

 

Artigo anterior

Jorge Coelho Lopes: «O mercado das terapias alternativas cresceu exponencialmente nos últimos anos»

Próximo artigo

Queixas comuns que podem ser curadas com sexo