Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»Pneumonia mata 16 pessoas por dia em Portugal

Pneumonia mata 16 pessoas por dia em Portugal

Esta é a doença respiratória que mais mata em Portugal, estando o país entre os que apresentam maior taxa de mortalidade por pneumonia dentro da OCDE. A 12 de novembro assinala-se o Dia Mundial da Pneumonia.

Pinterest Google+
PUB

A pneumonia é a causa de 16 mortes e 80 internamentos diários em Portugal, ressalta a Sociedade Portuguesa de Pneumologia no dia em que se assinala o Dia Mundial da Pneumonia, 12 de novembro.

 

Embora seja uma das principais causas de mortalidade, morbilidade, de perda de qualidade de vida e de consumo de recursos de saúde a nível global, a pneumonia é ainda particularmente preocupante em Portugal, onde continua a ser a doença respiratória que mais mata.

 

VEJA TAMBÉM: CONSTIPAÇÃO, GRIPE OU ALERGIA?

 

Dentro dos países da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico), Portugal está entre os que apresentam maior taxa de mortalidade por pneumonia. «Os dados mais conhecidos e validados revelam cerca de 80 internamentos e 16 óbitos, por dia», afirma Filipe Froes, em representação da Sociedade Portuguesa de Pneumologia.

 

No entanto, «este peso que a pneumonia tem em termos de mortalidade no nosso país pode estar relacionado com a diferente metodologia e valorização das causas de morte», acrescenta o pneumologista. Por outras palavras, em Portugal a causa da morte pode estar a ser atribuída à pneumonia quando, na base, está uma doença mais grave. Realidade que pode não acontecer noutros países, onde é valorizada como causa de morte a doença de base que se agrava perante um quadro de pneumonia.

 

«A incidência de pneumonia aumenta com a idade, é mais frequente nos homens, nos fumadores, nos doentes imunocomprometidos e nos portadores de doenças crónicas como a Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC), diabetes, insuficiência renal, cardíaca ou hepática», descreve o especialista. Embora tenha uma incidência mais elevada nos períodos mais frios, a pneumonia não é uma doença sazonal, podendo ocorrer em qualquer altura do ano.

 

VEJA TAMBÉM: DEZ AMEAÇAS À SAÚDE GLOBAL EM 2019

 

Segundo Filipe Froes, prevenir a pneumonia passa por atuar nos fatores de risco associados ao estilo de vida: evitar a ingestão de bebidas alcoólicas e o consumo de tabaco, manter as doenças crónicas controladas, manter uma boa higiene oral, usar criteriosamente as terapêuticas Imunossupressoras e manter um bom estado nutricional e fazer a vacinação antigripal e contra o pneumococos, que é o principal microrganismo responsável pela pneumonia.

 

Para assinalar o Dia Mundial da Pneumonia, a Delta Cafés juntou-se à Sociedade Portuguesa de Pneumologia, com a divulgação de mensagens de sensibilização para esta doença e com dicas de prevenção nos pacotes de açúcar que acompanham o café.

 

Artigo anterior

Abdominoplastia: como ter uma barriga perfeita?

Próximo artigo

Filme do Centro de Portugal entre os 10 melhores filmes de turismo de 2019