Home»LAZER»DICAS & VIAGENS»Plataforma ibérica vai divulgar turismo acessível a partir de setembro

Plataforma ibérica vai divulgar turismo acessível a partir de setembro

No mundo, uma em cada três pessoas tem necessidades especiais de acessibilidade, sejam elas definitivas ou temporárias. Em Portugal, existe cerca de um milhão de pessoas com necessidades específicas, 2,5 milhões de seniores, 550 mil crianças com menos de 5 anos de idade e outros milhares de pessoas com limitações temporárias ou definitivas.

Pinterest Google+
PUB

A partir do próximo mês de setembro, vai estar disponível a TUR4all, uma plataforma dinâmica que permitirá uma consulta à oferta turística de Portugal e Espanha, disponibilizando informação objetiva e atualizada sobre as condições de acessibilidade para todos nos hotéis, monumentos e museus, a existência de transportes adaptados, restaurantes com menus em braille, entre outras.

 

A iniciativa resulta de uma ação conjunta entre a Accessible Portugal, Fundação Vodafone Portugal, Turismo de Portugal, PREDIF Espanha, Fundação Vodafone Espanha e com o apoio da European Network for Accessible Tourism.

 

Através de um website e de uma aplicação móvel será possível consultar a oferta turística acessível para todos. Incluirá informação objetiva analisada por especialistas em acessibilidade, avaliada e comentada pelos próprios utilizadores. Esta plataforma visa permitir que cada pessoa possa decidir sobre quais os locais que considera mais acessíveis face às necessidades especiais que tem em determinado momento e, assim, consiga viajar e desfrutar das melhores experiências turísticas, participando nas atividades de lazer. Na TUR4all o utilizador vai conseguir comentar, pontuar e recomendar cada uma das unidades e serviços disponibilizados, ou guardá-los como favoritos. Será, ainda, possível comunicar com outros utilizadores que tenham o mesmo tipo de interesses ou necessidades específicas

 

Veja também: Viajantes de todo o mundo elegem os melhores pequenos-almoços de Portugal

 

Para Ana Mendes Godinho, secretária de Estado do Turismo, «esta é uma plataforma que vem ao encontro de um dos eixos fundamentais da estratégia do Turismo em Portugal e do projeto nacional “All for All”: tornar o nosso país um destino acessível para todos. Numa sociedade cada vez mais global torna-se imperativo desenvolver soluções inclusivas. A TUR4all apresenta-se assim como uma ferramenta importante de inclusão, que posiciona Portugal como país acessível a todos e que permitirá aos seus destinatários usufruírem de uma experiência turística única.»

 

Para Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal, «é importante que todos os agentes do setor turístico adaptem e qualifiquem a sua oferta turística às necessidades específicas de quem nos visita, desde famílias com crianças pequenas até seniores ou pessoas com algum tipo de incapacidade, ainda que temporária. Trata-se de cumprir o propósito de dotar Portugal como um destino turístico que sabe “Receber Bem”, não alheando a este propósito o desafio que uma oferta turística acessível para todos representa nesta atividade económica enquanto excelente oportunidade de negócio para as empresas e para o país. A TUR4all é, por isso, uma ferramenta de extrema importância que pretende dar não só um sinal de desenvolvimento e cidadania, mas sobretudo proporcionar a todos os que nos visitam uma experiência turística memorável».

 

Veja também: Este é o hotel mais seguido no Instagram

 

Segundo Ana Garcia, presidente da Accessible Portugal, «estamos a trabalhar afincadamente para a qualificação e promoção do turismo para todos em Portugal. O mundo é global, a idade dos turistas está aumentar e é necessário criar condições para que todos possam viajar em segurança e com a qualidade de que necessitam para apreciarem os destinos. Trata-se de uma questão de dar resposta às necessidades do mercado e igualmente uma questão de ética».

 

Para Mário Vaz, presidente da Fundação Vodafone Portugal, «num mundo inegavelmente tecnológico, e numa perspetiva de futuro, onde a autonomia e a inclusão são premissas críticas, é importante que todos possam produzir e partilhar conhecimento e experiências. A TUR4all virá certamente ser um meio de troca de informações e um ponto de referência no que diz respeito ao turismo acessível».

 

A TUR4all estará disponível em português, castelhano, francês, inglês, alemão, italiano e mandarim. O site www.tur4all.pt só estará disponível a partir de setembro de 2017.

 

 

 

Artigo anterior

Nike prepara-se para lançar o primeiro hijab para atletas

Próximo artigo

Morango é o alimento com mais pesticidas segundo novo relatório