Home»VIDA»CASA & FAMÍLIA»Paula Margarido: «Uma casa bem organizada é o primeiro passo para se sentir melhor com a vida»

Paula Margarido: «Uma casa bem organizada é o primeiro passo para se sentir melhor com a vida»

O detox não passa só pela cozinha, mas também por toda a casa. Paula Margarido acaba de lançar o livro ‘Destralhe a Sua Casa’ e promete dar-lhe uma mãozinha preciosa nas arrumações que precisa de fazer em casa.

Pinterest Google+
PUB

Os seus métodos seguem os ensinamentos do Feng Shui…

No Feng Shui, usamos os 5 elementos: água, árvore, fogo, terra e metal. Existe também um método para analisar as casas que é chamado o método intuitivo, em que se usa uma grelha com nove setores, que se chama Baguá. Com esta grelha sobrepomos à planta da nossa casa e sabemos onde temos a zona da família, da saúde, da prosperidade, dos relacionamentos e das finanças. Se tivermos zonas de tralha e de acumulação num destes setores, percebemos então porque é que há algumas áreas da nossa vida que estão bloqueadas e estagnadas.

 

A sua casa está sempre arrumada? Como consegue?

Sim, porque criei um método de limpar e arrumar já há bastantes anos. Mas eu nunca fui de acumular muitas coisas. Na minha atual fase de vida, sou cada vez mais menos consumista e procuro manter a casa apenas com coisas que realmente gosto, é o segredo. Também tenho as minhas famosas listas e inventários que vêm descritos no livro.

 

Veja também: Plantas com energia positiva

 

Se a sua casa começasse arder e só pudesse escolher levar três coisas materiais o que seria?

Não é fácil de escolher… levava o meu portátil, uma moldura com a fotografia  do meu filho e um casaco.

 

Destralhe a sua vidaAlguma dica para quem pretende organizar a casa?

Uma das regras ou conselhos mais importantes é estabelecer um sítio da casa para cada objeto, e se qualquer membro da família usar esse objeto tem de voltar a pôr no sítio. Outro conselho que dou é o seguinte: se comprar uma peça nova para casa, retire uma peça que já não gosta ou não usa. Pode doar, vender ou reciclar.

 

Sobretudo incentivo a simplicidade, quanto menos ‘coisas’ tivermos, será mais fácil a limpeza e a manutenção. Considero também que é importante manter as casas arrumadas e limpas, mas não devemos entrar em obsessão. Não sou a favor de ‘casas museu’… as casas são para serem vividas, as crianças brincarem na sala e todos usufruírem da casa. Há uma frase que digo muitas vezes: ‘Eu arrumo para viver, eu não vivo para arrumar’. Temos de ter tempo para destralhar, limpar e arrumar a casa e depois ter tempo para convidar os nossos amigos para um jantar maravilhoso.

Artigo anterior

Falta de amigos pode provocar infertilidade

Próximo artigo

Emma Watson cria conta de Instagram de moda sustentável