Home»VIDA»CASA & FAMÍLIA»Os bonsais também podem ir de férias

Os bonsais também podem ir de férias

Ter um bonsai exige cuidados quase diários. Então o que fazer quando o seu cuidador tem de se ausentar para férias ou em trabalho? Deixa o bonsai num hotel para bonsais! Sim, eles existem.

Pinterest Google+
PUB

Todos os verões, o Centro de Bonsais de Campolide, em Lisboa, acolhe entre 80 a 100 bonsais em regime de hotel. São procurados precisamente para cuidarem da frágil árvore em miniatura, enquanto os seus “donos” estão ausentes. O valor da estadia varia dependendo do tamanho e da espécie.

 

O Centro de Bonsais de Campolide, nascido em 1996, com a assinatura do Horto do Campo Grande, terá sido pioneiro na oferta deste serviço, mas atualmente já existem outros centros no país, o que demonstra que existe procura para este tipo de serviço.

 

Mas não é só nas férias que os bonsais gozam de uma estadia neste complexo de 3.000m2, um dos maiores centros de bonsai da Península Ibérica. Também lá ficam quando estão doentes, ou seja, no hospital para bonsais. Neste caso, explica Pedro Pulindo Valente, os bonsais chegam com «as doenças (problemas fitossanitários) normais de outra qualquer planta. Algumas fáceis de reconhecer, como é o caso da cochonilha ou do aranhiço vermelho, outras mais difíceis, nomeadamente ao nível das raízes, pelo que é importante  a sua verificação quando se efetua um transplante».

 

Por isso mesmo, mesmo que chegue para uma simples estadia, os profissionais fazem primeiro a verificação do estado fitossanitário do bonsai e, caso esteja doente, fica no hospital e não hotel… o que para o bonsai não fará a mínima diferença, dizemos nós.

 

Mas afinal o que é um bonsai? Uma planta, uma árvore? Embora possa ser definido, simplesmente, como uma árvore em miniatura, bonsai significa literalmente “cultura em recipiente raso”. Mais do que uma técnica, o bonsai é uma arte que pretende representar a natureza em miniatura, com inúmero benefícios para quem a pratica. «O bonsai é uma arte que, pela atenção especial que requer, leva a um total envolvimento da pessoa que a pratica, trazendo-lhe enormes benefícios emocionais, pois cria um ambiente de apaziguamento e de contemplação», explica Pulido Valente.

 

Porém, ter um bonsai exige ter conhecimentos de algumas técnicas básicas de jardinagem. Como qualquer planta, um bonsai requer luz, rega e adubação. Mas pela limitação do vaso em que estão plantados, os cuidados a ter com estas plantas em miniatura têm de ser quase diários.

Artigo anterior

Mitos e verdades sobre o protetor solar

Próximo artigo

Cuide das descompensações dentro da sua organização. Pode sair caro!