Home»ATUALIDADE»ESPECIALISTAS»Os benefícios das nozes: de antioxidante ao reforço celular

Os benefícios das nozes: de antioxidante ao reforço celular

Muito apreciadas entre nós, as nozes são um excelente alimento para incluir na alimentação diária. E agora é a altura delas.

Pinterest Google+

Em Portugal, pese embora o consumo faça parte da nossa cultura, muitas vezes as nozes acabam por ficar esquecidas nos armários das nossas despensas. Mas chegou a hora de voltar a trazer as nozes para o dia-a-dia. Isto porque existem cada vez mais profissionais de saúde a recomendarem o seu consumo, fruto do crescimento do número de publicações científicas que ilustram os vários benefícios do consumo de nozes.

 

Por exemplo, um estudo realizado na Universidade de Harvard (EUA) mostrou que a vitamina E presente nas nozes é um poderoso antioxidante. Também aqui ao lado, investigadores espanhóis descobriram que as nozes contêm vinte vezes mais substâncias com poder antioxidante do que alguns frutos e vegetais.

 

VEJA TAMBÉM: ALIMENTOS QUE FORTALECEM O SISTEMA IMUNITÁRIO

 

Além disso, um outro estudo espanhol concluiu que uma alimentação rica em nozes pode reduzir a inflamação arterial porque este fruto é particularmente rico em arginina. A arginina é um aminoácido necessário na produção de óxido nítrico, um composto que ajuda a relaxar e dilatar as artérias e outros vasos sanguíneos, promovendo uma boa circulação sanguínea.

 

Por outro lado, e à semelhança do vinho, as nozes também são ricas em polifenóis, que podem ter efeitos benéficos a nível celular, prevenindo o seu envelhecimento. As nozes são uma importante fonte de minerais como potássio, magnésio, cálcio, e de vitaminas do complexo B. Comparativamente com algumas leguminosas, as nozes contêm até valores superiores de vitaminas.

 

Apesar dos seus múltiplos benefícios, é preciso ter em conta um fator muito importante: tal como os demais frutos secos, as nozes são fornecedores de uma boa dose de energia, ou seja, de calorias. Esta concentração energética é devido à grande quantidade de gordura presente nas nozes.

 

VEJA TAMBÉM: APETECE-LHE UM DOCE DE NATAL? VEJA ESTAS DICAS PARA CONTROLAR OS DESEJOS ALIMENTARES SÚBITOS

 

Porém, e apesar de as nozes terem muita gordura (<70%), esta é essencialmente gordura considerada saudável. Este fruto é especialmente rico em gordura monoinsaturada e polinsaturada, destacando-se o ómega 3 e o 6. Estes ómegas são designados por gorduras essenciais, porque o nosso organismo não os consegue sintetizar, o que implica que tenhamos de consumi-los diariamente.

 

O facto é que os mais recentes dados em Portugal referem que o consumo de gordura é elevado, mas o consumo de gordura polinsaturada é baixo, pelo que o consumo de nozes pode ser uma excelente alternativa.

 

Aproveite este excelente alimento e a meio da manhã ou da tarde coma umas nozes. Acrescente umas nozes às suas saladas, ao leite, ao iogurte, por exemplo. Dado o nível de energia presente nas nozes, recomenda-se um consumo moderado – cinco a seis nozes por dia é o suficiente para obter todos estes benefícios para a saúde.

Artigo anterior

Natal pelo mundo: histórias na primeira pessoa

Próximo artigo

À descoberta do mundo: este ano vou…