Home»BEM-ESTAR»CORPO»O stress faz barriga?

O stress faz barriga?

Muitas pessoas sentem que fazem dietas restritivas, muito exercício, exaustivo, em longas sessões, e, contudo, não conseguem reduzir a gordura na região abdominal.

Pinterest Google+
PUB

Muitas vezes até praticam corrida regularmente e conseguem perder gordura em outras regiões do corpo, mas não na barriga, onde se continua a acumular de dia para dia.

 

O cortisol é uma hormona de stress segregada pelas glândulas suprarrenais, cuja produção excessiva já foi cientificamente associada ao acúmulo preferencial de gordura na região abdominal.  Ou seja, o stress crónico, prolongado, pode predispor para acumular gordura na barriga!

 

VEJA TAMBÉM: PORQUE TEMOS DE FAZER EXERCÍCIO?

 

Também é evidente que o apetite seletivo por hidratos de carbono aumenta em consequência do aumento dos níveis de stress, particularmente aquele que afeta o sono noturno. Isto na maior parte das pessoas, não em todas.

 

Que fatores poderão contribuir para uma produção excessiva de cortisol?

Eis alguns exemplos:

– Quanto menos horas de sono, mais cortisol!

– Quanto maior a desregulação de horários, mais cortisol!

– Quanto mais restritiva a dieta, mais cortisol!

– Quanto mais longo e exaustivo for o exercício, mais cortisol!

Barriga

Observando a lista, podemos identificar que alguns dos fatores são precisamente algumas das estratégias que se usa normalmente para emagrecer! Principalmente praticar exercício em excesso ou inadequado e fazer dietas extremamente restritivas!

 

Que tal optar por exercício adequado para o seu estado metabólico e uma alimentação saudável?

 

Fonte: “Association between hypercortisolaemia and adipose tissue blood flow in vivo” – estudo publicado na revista científica Lancet, em 2015, pelos autores Manalopoulos K, Thornhill H, Thomas J, Arlt W, Tomilinson J

 

VEJA TAMBÉM:

QUE TIPO DE CORPO É O SEU?

CELULITE: O PAPEL DOS ESTROGÉNIOS

COMO TER NÁDEGAS E COXAS BEM DEFINIDAS?

OS ABDOMINAIS DEFINEM-SE À MESA!

QUAL O MELHOR EXERCÍCIO PARA MIM? CONHEÇA UM CASO REAL

 

 

 

Artigo anterior

Torne o regresso às aulas mais fácil para os seus filhos

Próximo artigo

Sagres recebe maior festival de observação de aves em Portugal