Home»GLAMOUR»BELEZA»O rosto e a cirurgia estética: procedimentos a ter em conta

O rosto e a cirurgia estética: procedimentos a ter em conta

Mulheres e homens na faixa dos 20-30 anos, por todo o mundo, recorrem à toxina botulínica não para disfarçar as rugas, mas para evitar que elas se formem ainda numa idade jovem. Durante o tempo de ação da toxina, a pele está como que em repouso, não aparecem as rugas de expressão e a pele não fica marcada.

Pinterest Google+

Enquanto cirurgião plástico que trabalha na área da cirurgia e medicina estética, procuro manter uma atualização dos tratamentos e das cirurgias que melhor servem quem os procura. No verão, devido a uma maior exposição corporal, é habitual estarmos mais atentos ao nosso corpo e às nossas formas. É precisamente sobre os diferentes tipos de tratamentos que podem ajudar a melhorar fisionomia do rosto que gostaria e falar.

 

Na face gostaria de salientar a ação cada vez mais preventiva dos produtos existentes e da própria filosofia dos profissionais clínicos. Dou o exemplo da toxina botulínica. Esta partícula injeta-se seletivamente nos músculos da mimica facial para bloquear transitoriamente (6 meses) a sua ação. Assim, quando tentamos fechar os olhos com muita força, a toxina botulínica impede que o músculo tenha tanta força. Conseguimos fechar o olho, mas não aparecem tantas rugas à volta dos olhos, os famosos “pés de galinha”.

 

VEJA TAMBÉM: OS CINCO PROCEDIMENTOS ESTÉTICOS MAIS PROCURADOS PELAS PORTUGUESAS

 

As rugas da expressão facial sobretudo do terço superior da face desaparecem, enquanto a toxina está a funcionar, o que nos confere uma aparência mais jovem e uma pele mais lisa. Aquilo que é novidade no setor da cirurgia estética é a utilização deste produto em idades mais jovens. Mulheres e homens na faixa dos 20-30 anos, por todo o mundo, recorrem à toxina botulínica não para disfarçar as rugas, mas para evitar que elas se formem ainda numa idade jovem. Durante o tempo de ação da toxina, a pele está como que em repouso, não aparecem as rugas de expressão e a pele não fica marcada.

 

Outro método, com a mesma filosofia da prevenção do envelhecimento, e cada vez mais na moda no nosso país, é a utilização de PRP. Mas o que é o PRP? PRP- Plasma Rico em Plaquetas, ou seja, através de algumas técnicas simples de centrifugação, podemos selecionar, a partir do nosso sangue, uma fração rica em plaquetas. Qual a importância deste passo? As plaquetas contêm um armazém de fatores de crescimento muito rico, que quando são administradas diretamente na pele promovem a sua renovação e, portanto, o respetivo rejuvenescimento. As aplicações médicas têm sido múltiplas, e apesar de ser uma área de intensa investigação existem resultados comprovados, por exemplo, na cirurgia capilar e também na área de medicina e cirurgia estética.

 

VEJA TAMBÉM: AUMENTO DE GLÚTEOS É A UMA DAS GRANDES TENDÊNCIAS PARA O VERÃO 2019

 

Cada vez mais, os pacientes procuram os resultados naturais e que melhor se ajustem às suas expectativas e à sua personalidade. A palavra de ordem é resultado natural, nada de artificial e um resultado que faça as mulheres e os homens mais confiantes e com melhor autoestima.

 

Por isso, já sabe, procure um profissional de saúde credenciado e certificado pela Ordem dos Médicos. Fale abertamente sobre os seus desejos e expectativas e o que gostaria de mudar no seu corpo. O verão está aí, mas ainda vai a tempo de alcançar o seu ideal de rosto.

Artigo anterior

Pizza, pasta, gelato… o melhor da comida italiana está em Gaia

Próximo artigo

100 receitas de 100 chefs de todo o mundo reunidas para levar vacinas a crianças desfavorecidas