Home»FOTOS»Saiba o que os oceanos representam para a vida na Terra

Saiba o que os oceanos representam para a vida na Terra

Desde a década de 1990, a poluição hídrica piorou em quase todos os rios e, consequentemente, nos mares. Estima-se que a deterioração da qualidade da água aumente ainda mais nas próximas décadas, e como tal também as ameaças à saúde humana, ao meio ambiente e ao desenvolvimento sustentável. Conheça alguns factos, divulgados pela ONU, sobre os oceanos e o que representam para a vida na Terra. A 8 de junho, assinala-se o Dia Mundial dos Oceanos.

Pinterest Google+
PUB

– Os oceanos (a sua temperatura, a química, as correntes e a vida marinha) mantêm os sistemas globais que tornam a Terra habitável para a humanidade.

 

– A água de chuva, a água potável, o tempo, o clima, as zonas costeiras, grande parte da nossa comida, e até mesmo o oxigénio que respiramos são todos fornecidos e regulados pelo mar.

 

– Ao longo da história, os oceanos e os mares têm sido condutas vitais para o comércio e transporte. A gestão cuidadosa deste recurso global é essencial para um futuro sustentável.

 

– Os oceanos cobrem três quartos da superfície terrestre, contêm 97 por cento da água da Terra e representam 99 por cento do espaço vivo no planeta, em termos de volume.

 

VEJA TAMBÉM: FORMAS DE AJUDAR (SEMPRE) O AMBIENTE

 

– Mais de três mil milhões de pessoas dependem da biodiversidade marinha e costeira para a sua subsistência.

 

– Globalmente, o valor de mercado dos recursos e indústrias marinhas e costeiras é estimado em 2,6 triliões de euros por ano, cerca de 5% do PIB global.

 

– Os oceanos contêm cerca de 200.000 espécies identificadas, mas os números reais podem chegar aos milhões.

 

– Os oceanos absorvem cerca de 30% do dióxido de carbono produzido pelos humanos, fazendo tampão aos impactos do aquecimento global.

 

– Os oceanos são a maior fonte de proteína do mundo, com mais de 2,6 mil milhões de pessoas a dependerem dos oceanos como principal fonte de proteína.

 

 

– A pesca marítima emprega, direta ou indiretamente, mais de 200 milhões de pessoas.

 

– Os subsídios para a pesca estão a contribuir para o esgotamento rápido de muitas espécies de peixes.

 

– Até 40 por cento dos oceanos são fortemente afetados por atividades humanas, incluindo poluição, pesca e perda de habitats costeiros.

 

– Todos os anos, 100.000 animais marinhos são mortos devido ao plástico despejado no mar.

 

Artigo anterior

Passa muito tempo sentado? Evite inflamações com estes alimentos

Próximo artigo

Oceanos no centro da programação do maat em junho e julho