Home»VIDA»CARREIRA»O que fazer quando se perde o emprego?

O que fazer quando se perde o emprego?

O mundo desaba, mas a verdade é que os novos ciclos profissionais também são novas oportunidades para a realização pessoal e profissional. Veja as sugestões da Adecco, empesa internacional de recursos humanos, para dar a volta por cima.

Pinterest Google+

Com o mercado de trabalho bastante competitivo, com profissionais que hoje são de várias origens e nacionalidades e de uma multiplicidade de especialidades, já pensou no que fazer se perder o seu emprego? Estamos sempre a falar sobre como encontrar um emprego, mas também importa falar sobre o que fazer se perder um emprego.  Veja de seguida.

 

Decidir um plano de ação. Avalie as suas finanças pessoais para determinar o timing em que precisará de encontrar o seu próximo emprego. Se não tem uma licenciatura ou uma formação superior ou especializada, consideraria adaptar a sua vida para um regresso aos estudos? E que tipo de emprego iria procurar? No mesmo setor, ou seria este o momento para considerar uma mudança na carreira? Pense quais são as empresas onde sempre quis trabalhar. E coloque-as como objetivo na sua wish list!

 

Engula o seu orgulho. Não há nada de errado em pedir ajuda quando precisa. Isto poderá envolver pedir a amigos ou a recrutadores para reverem o seu currículo, para candidatar-se a benefícios da Segurança Social, ou simplesmente pedir a um amigo para o ouvir. Nos nossos dias, uma grande percentagem da sua rede de contactos já viveu os mesmo sentimentos pelos quais está a passar.

 

VEJA TAMBÉM: CARREIRA: ONDE É QUE ESTÁ A FALHAR?

 

Não espere que um trabalho o encontre. Publique ativamente o seu curriculum e a sua disponibilidade em plataformas de trabalho e expanda à sua rede de contactos. Lembre-se que 60 a 80% dos empregos são encontrados através da sua própria rede de contactos. Fique mais ativo, procure colegas de empregos passados, diretores, amigos e familiares. Participe em grupos do setor se ainda não o tiver feito, tanto pessoalmente bem como no LinkedIn. Certifique-se que todos sabem que está ativamente à procura.

 

Não culpe ninguém – e não corte relações. Não interessa de quem é a culpa de ter perdido o seu emprego. Atribuir culpas não irá levá-lo a lado nenhum, quer esteja a culpar o seu último empregador ou a si próprio.  Concentre-se no futuro e aceite que o que está feito, feito está. Mantenha uma relação boa com o seu último empregador se possível – poderá precisar dele como referência. Se estava errado, peça desculpas e siga em frente.

 

VEJA TAMBÉM: CARREIRA: DEFINA A SUA MARCA PESSOAL

 

Reavaliar as suas maneiras quando encontrar um emprego. Se existem razões concretas que o conduziram a perder o último emprego, avalie as suas fraquezas (tanto técnicas como pessoais) e trabalhe na sua melhoria. Não quer voltar a encontrar-se na mesma situação se isso pode ser evitado.

 

Perder um emprego é sempre um momento de mudança e de procurar uma nova oportunidade. Não a desperdice, tente aproveitar para encontrar o trabalho que gosta, a carreira que ambiciona e que é mais indicada para si e para o seu futuro.

Artigo anterior

Covid-19: Ponha de lado o dinheiro e opte por pagamentos eletrónicos

Próximo artigo

Previsões astrológicas para o mês de abril de 2020