Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»Nomes de três crias de lince ibérico abertos a votação

Nomes de três crias de lince ibérico abertos a votação

As três pequenas fêmeas que vão serem libertados no Vale do Guadiana, no dia 18 de fevereiro, vão receber nomes começados pela letra R.

Pinterest Google+
PUB

Está a decorrer até 17 de fevereiro a votação para escolher os nomes das três jovens fêmeas de lince ibérico provenientes do Centro de Cria de La Olivilla/CAGPyDS, Andaluzia, a serem libertados no dia 18 de fevereiro no Vale do Guadiana.

 

Todos os anos, os nomes dos linces começam com uma letra consecutiva do alfabeto, informa o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). As crias que nasceram em 2020 e que são agora libertadas recebem nomes começados pela letra R. Assim, em votação estão os nomes Romeira, Ravina, Rocha, Ribeira, Rasteira, Roselha, Rutabaga, Rola, Russiana e Raponcio.

 

R1 (fêmea) – filha da fêmea Caña e do macho Huerto

R2 (fêmea) – filha da fêmea Cynara e do macho Olivillo

R1 (fêmea) – filha da fêmea Jandra e do macho Fausto

 

Teve início no dia 9 de fevereiro, a época de soltas de lince ibérico em Portugal. O Vale do Guadiana receberá sete linces durante o corrente mês, informa o ICNF. São linces nascidos no ano passado, oriundos dos Centros de Reprodução em Cativeiro, nomeadamente de La Olivilla e de El Acebuche, na Andaluzia, e do Centro Nacional de Reprodução do Lince Ibérico, localizado em Silves.

A nível ibérico, o Vale do Guadiana é uma das áreas de reintrodução com maior sucesso. Em 2020 nasceram 60 crias em meio natural e estabeleceram-se 18 fêmeas reprodutoras com territórios estabilizados.

 

A reintrodução é um processo a médio/longo prazo que tem como objetivo estabelecer uma população viável e que mantenha um fluxo genético regular com outras populações de lince, restabelecendo a situação favorável à espécie, a qual só será atingida, quando se fixarem territorialmente no Vale do Guadiana, pelo menos 30 fêmeas reprodutoras.

 

Artigo anterior

Baile de Carnaval Virtual leva a folia até casa

Próximo artigo

Estudo mostra risco elevado de suicídio em jovens devido ao tempo excessivo nas redes sociais