Home»FOTOS»Lisboa é o terceiro destino europeu com melhores opções para veganos

Lisboa é o terceiro destino europeu com melhores opções para veganos

Escolher o destino para férias não passa só pelas belas paisagens ou pelos monumentos a visitar. Para muitos, a alimentação oferecida é um dos requisitos a ter em conta, sobretudo para veganos e vegetarianos. O Holidu, motor de buscas global para casas de férias, fez uma seleção das 10 das capitais mais vegan friendly da Europa. E Lisboa está entre elas.

Pinterest Google+
PUB

O estilo de vida vegano tem se popularizado um pouco por em todo o mundo, seja por uma questão de bem-estar, uma vez que muitos estudos apontam benefícios a este tipo de alimentação, ou por uma questão de proteção animal.

 

Por isso, quando se trata de escolher férias, o tipo de alimentação oferecido no local é um requisito a ter em conta para quem tem restrições alimentares. Alugar um apartamento para se poder cozinhar, ter supermercados especializados por perto ou restaurantes com estas opções fazem parte cada vez mais dos critérios de escolha. E Lisboa está bem colocada, segunda uma pesquisa realizada pelo motor de buscas global para casas de férias, Holidu.

 

Veja também: Zlati Dencheva: «Adotei a alimentação crudivegana pela saúde, pelos animais e pelo planeta»

 

«Os turistas com requisitos nutricionais específicos, muitas vezes, escolhem uma casa ou apartamento de férias em vez de um hotel, pois eles podem facilmente preparar refeições a seu gosto em vez de verificar a lista de ingredientes no buffet do hotel», diz Fernando Esteves, gerente da Holidu em Portugal.

 

Com crescente entusiasmo pela dieta vegana, não é de admirar que a seleção de alimentos puramente vegetais esteja também a crescer nos supermercados, atraindo também este tipo de turista.

 

Veja também: Fonte de proteína para vegans e vegetarianos

 

Por cá, o número de pessoas que optam pelo veganismo é incerto, no entanto, acredita-se que este número está a crescer. Ao ponto de, recentemente, um projeto de lei ter sido aprovado no país para garantir a opção de pratos sem ingredientes de origem animal em estabelecimentos públicos. A medida vale para hospitais, instituições de ensino, sedes da administração pública e prisões. Um país atento a esta realidade também serve de polo de atração.

 

Assim, neste top 10, Amesterdão lidera a lista, seguida de Paris e logo por Lisboa.  Veja agora, na galeria acima, as cidades que oferecem a melhor seleção de restaurantes e cafés com opções veganas ou vegetarianas em relação ao seu número de habitantes. Alguns dos resultados são surpreendentes.

 

Artigo anterior

O mundo inteiro anda a comer mais gelados

Próximo artigo

Portugueses desenvolvem radar que mede respiração à distância