Home»GLAMOUR»BELEZA»Homens aderem cada vez mais a tratamentos de beleza

Homens aderem cada vez mais a tratamentos de beleza

Seja a arranjar as unhas, a remover pelos ou a receber um dos múltiplos tratamentos com massagens, os homens mais jovens têm vindo a visitar cada vez mais os salões de estética e bem-estar. Quem o diz é a consultora Mintel que analisou a evolução deste mercado nos últimos anos.

Pinterest Google+

Longe vai o tempo em que o after shave era o único produto de beleza consumido pelos homens. Nos últimos doze meses, 47% dos jovens visitaram um instituto de beleza e bem-estar para realizar um tratamento, em comparação com os 33% registados em 2015. Os dados foram recolhidos no Reino Unido, pela consultora Mintel, e são revelados num relatório agora divulgado.

 

Segundo o estudo, os homens estão cada vez mais a procurar especialistas nestes tratamentos. Nos últimos 12 meses, 18% dos homens com idades entre os 16 e os 24 anos fizeram tratamentos com massagem, contra 11% em 2015, enquanto 18% fizeram remoção de pelos faciais ou modelagem facial (8% em 2015) e 17% procederam à remoção de pelos corporais (6% em 2015).

 

VEJA TAMBÉM: O QUE TORNA UM HOMEM ATRAENTE?

 

«A área de tratamentos em spas e institutos de beleza continua a registar um crescimento constante, já que a proporção de pessoas que fazem tratamentos faciais e massagens aumentou nos últimos dois anos. Isto deve-se provavelmente à introdução de tratamentos faciais mais técnicos, tais como tratamentos faciais com LED e radiofrequência, bem como tratamentos rápidos. O número elevado de homens que aderem a tratamentos de spa e de salões salienta que os consumidores estão a afastar-se dos estereótipos de género ao mesmo tempo que abraçam a neutralidade de género», comenta Roshida Khanom, diretora da área de Beleza e Cuidados Pessoas na Mintel.

 

Outro dado curioso é que os homens procuram também soluções diferentes. Dos homens que fizeram um tratamento de beleza nos últimos 12 meses, 22% fizeram-no, pois queriam tentar algo novo, em comparação com 14% das mulheres. No geral, a maioria tem uma abordagem holística no que respeita às suas visitas ao spa ou salão de beleza. Três em cada quatro (76%) dos que fizeram um tratamento de beleza nos últimos 12 meses dizem que os tratamentos de beleza promovem o seu bem-estar mental, enquanto que mais de três em cada cinco (64%) dizem que são uma parte importante de sua rotina de bem-estar e saúde.

 

VEJA TAMBÉM: TENDÊNCIAS DE BEM-ESTAR PARA 2018: DO PODER DO SILÊNCIO À ARQUITETURA RENOVADA

 

«O estado de espírito interessa e as pessoas estão a procurar maneiras de gerir o seu bem-estar emocional. Com a maioria dos consumidores a dizerem que os tratamentos de beleza promovem o bem-estar mental, os spas e os salões podem posicionar-se numa abordagem holística da saúde e da beleza. Oferecer aulas de fitness ou de mindfulness ao lado dos tratamentos poderia promover a perceção do bem-estar», explica a especialista.

 

Dos homens que fizeram um tratamento nos últimos 12 meses, 36% reservaram o último como um deleite para si, enquanto 20% o fizeram para uma ocasião especial e 19% disseram que era um compromisso regular. E parece que estas visitas são algo pelo qual esperar, com 70% dos tratamentos de beleza a serem marcados com antecedência, em comparação com 16% que reservam no dia e 14% que não reservam de antemão. Veja agora, na galeria acima, as dicas da Academia Americana de Dermatologistas para bons cuidados com a pele masculina.

 

 

Artigo anterior

Europa: Pagamentos eletrónicos vão exigir dois meios de autenticação

Próximo artigo

Previsões astrológicas para o mês de dezembro de 2017