Home»LAZER»DICAS & VIAGENS»Guia inédito sobre Lisboa lançado pelo Facebook

Guia inédito sobre Lisboa lançado pelo Facebook

Lisboa é a primeira capital do mundo escolhida pela plataforma para lançar um guia, em papel, com sugestões das comunidades presentes nesta rede social sobre o que de melhor a capital portuguesa tem para oferecer. Uma forma de os turistas fugirem ao óbvio e descobrirem os tesouros de Lisboa pelos olhos dos seus habitantes.

Pinterest Google+

O Facebook deixou o online para se lançar no mundo físico, com o lançamento de um guia em papel para descobrir Lisboa pelos olhares das comunidades presentes nesta plataforma que têm como tema a capital portuguesa, nas suas diversas abordagens.

 

Ao todo, 25 comunidades recomendam o que é imperdível na capital e que não se encontra nos guias comuns da cidade. Onde comer à lisboeta, lojas antigas a visitar, ruas marcantes e marcadas pela História, e também a parte mais trendy e cosmopolita da capital são algumas das propostas deste guia, disponível em português e em inglês.  Lisboa é a primeira capital escolhida pelo Facebook para lançar este guia e a segunda cidade, já que Sevilha foi a primeira cujo guia foi lançado em junho passado, mas apenas em espanhol.

 

VEJA TAMBÉM: BELÉM RIO LOUNGE & TERRACE: O NOVO ESPAÇO PARA EVENTOS DE LISBOA

 

Presente no seu lançamento hoje em Lisboa, a diretora de comunicação para Portugal e Espanha do Facebook, Lola Banos, ressalta que «os lisboetas têm uma conexão especial e uma paixão pela cidade que se reflete nas comunidades que criam no Facebook». Tal traduz-se num guia diferente e com recomendações muito mais ricas e personalizadas. «As recomendações da comunidade são diferentes das tradicionais, porque são muito pessoais e apaixonadas», refere a responsável.

 

Um dos 25 grupos de Facebook presentes neste guia é o Eléctrico 24, que conseguiu unir vontades e esforços, para reativar esta carreira em Lisboa. Este é um exemplo de que ao unirem-se em comunidades os habitantes podem inclusive ajudar a melhorar os locais onde vivem. «É um pequeno passo, mas é simbólico para a sustentabilidade da cidade», comentou João Guerreiro, promotor deste grupo na apresentação do guia, que teve lugar no Lisbon Story Centre.

 

Outra das comunidades que ajuda a divulgar Lisboa é a Conta-me Histórias, Lisboa, gerida por Helena Aguiar, que aqui partilha histórias de prédios, de palácios, das pessoas que lá viveram, de lendas e muitos outros tesouros escondidos nas ruas pelas quais passamos todos os dias.

 

VEJA TAMBÉM: GINOS: HÁ UM NOVO ITALIANO EM LISBOA (QUE SE VAI ESTENDER A OUTROS PONTOS DO PAÍS)

 

Assim, desde bairros tradicionais, gastronomia local, cultura tradicional, arte e história na tradicional Lisboa, aos bairros modernos e emergentes, gastronomia cosmopolita, cultura moderna, vida saudável e criatividade como uma das áreas onde a Lisboa trendy está a crescer, todas as recomendações feitas por comunidades locais no Facebook podem também ser acedidas em https://cityguides.fb.com/. O guia está também disponível numa versão em PDF online em: https://fbnewsroomes.files.wordpress.com/2018/11/guia-lisboa-pt-web.pdf .

 

O guia foi hoje apresentado em Lisboa para celebrar as comunidades, acompanhado por uma exposição fotográfica dos membros das comunidades que contribuíram para o guia. Esta exposição fotográfica estará aberta aos visitantes no segundo piso do Lisbon Story Centre, no Terreiro do Paço, até dia 25 de novembro. Já agora, fique a saber que não é por acaso que o guia é exuberantemente amarelo… é a cor de Lisboa, do Terreiro do Paço, dos elétricos e da luz que banha a capital.

 

Artigo anterior

Já não suporta o seu colega? Saiba como conviver num open space

Próximo artigo

Meditar pode ser simples