Home»BEM-ESTAR»NUTRIÇÃO»Gelados podem fazer parte de uma alimentação saudável

Gelados podem fazer parte de uma alimentação saudável

Atualmente, a maioria dos gelados são uma opção equilibrada que pode incluir na sua alimentação, sem sentimentos de culpa. Palavra de nutricionista.

Pinterest Google+
PUB

Numa altura em que o tempo está quente, surge recorrentemente um elemento que, embora não seja imediatamente associado a uma alimentação saudável, pode sem dúvida fazer parte de uma refeição equilibrada: o gelado.

 

Grande parte das pessoas acredita que os gelados são sinónimo de gordura, mas a realidade é que isso deixou de ser verdade com o passar do tempo. O segredo está na sua composição, e também na qualidade nutricional dos seus ingredientes.

 

A grande maioria dos gelados tem muito menos gordura, açúcar e calorias, o que lhes permitiu poderem ser incorporados na alimentação diária. Isto deve-se não só à redução da gordura deste alimento, como também ao tipo de gordura utilizada atualmente.

 

VEJA TAMBÉM: GELADO DE BANANA E MANGA VEGAN

 

Assim, reduziu-se em muito a quantidade de gordura saturada presente nos gelados, uma ação que está de acordo com as recomendações nutricionais de várias instituições globais. Paralelamente, houve um aumento de novas variedades com iogurte na sua composição, elemento que torna os gelados mais cremosos. Além disso, o uso do iogurte na confeção de gelados permitiu, em muitos casos, reduzir substancialmente ou mesmo eliminar a quantidade de nata utilizada, em prol do carácter saudável deste alimento.

 

Substituições de qualidade

É importante salientar que a substituição do iogurte pela nata melhorou a qualidade nutricional dos gelados. O valor proteico dos gelados à base de leite ou de iogurte é muito semelhante ao valor proteico do leite que entra na sua composição. São também uma ótima fonte de cálcio.

 

Por outro lado, uma outra alteração voltou a conferir muito valor nutricional aos gelados e a torná-los mais saudáveis: o aumento da percentagem de fruta fresca presente nos mesmos, bem como pedaços de fruta e polpa de fruta.

 

Para os fãs de chocolate e de gelado de chocolate, também há boas notícias. Sendo este um dos ingredientes mais utilizados na confeção de gelados, é também uma ótima fonte de substâncias com propriedades reconhecidas. De facto, e de acordo com vários estudos científicos, o chocolate estimula o sistema nervoso, dando uma sensação de bem-estar e de prazer.

 

Em termos práticos, e para satisfazer os mais exigentes, cada vez mais se utilizam chocolates de melhor qualidade. Além disso, a presença de amêndoas, de avelãs, entre outros frutos, adiciona mais vitaminas, minerais e fibras, dando também valor nutricional aos gelados.

 

Além dos valores nutricionais, é preciso ter em conta que um dos segredos para praticar com sucesso uma alimentação variada e saudável é conseguir equilibrar o consumo de alguns alimentos que induzem bem-estar.

 

Um estudo realizado pela Universidade de Amesterdão revelou que os gelados são alimentos capazes de nos fazer sorrir, ou seja, são conhecidos como “alimentos de prazer”. Este estudo europeu comparou diferentes alimentos e o grau de satisfação, durante a sua ingestão.

 

Foi utilizado um software específico capaz de determinar a emoção que cada alimento provocava no rosto de cada pessoa. Verificou-se que os gelados são os campeões em “sorrisos”, contribuindo para o nosso bem-estar psicológico.

 

Desta forma, são vários benefícios associados ao consumo de gelados. Existem também várias opções de gelados, desde os mais indulgentes aos mais “leves” em temos calóricos, por isso também a escolha deve ser feita de acordo com cada ocasião e com os desejos de cada pessoa em particular.

 

Neste prisma, existem atualmente versões minidose de vários gelados que são uma excelente opção para os que andam mesmo a contar as calorias, já que alimentam a necessidade de algo fresco e doce na mesma. Além disso, e quando comparados com bolos de pastelaria ou salgados, a realidade é que os gelados têm menos calorias.

 

Por isso, podemos desfrutar de uma bola de gelado acompanhar com uma peça de fruta e saboreá-lo sem culpa. Como em tudo na vida, a chave está mesmo na quantidade e na frequência do consumo. Para os que procuram um estilo de vida saudável, o consumo de um gelado só trará um bom momento de deleite no final de uma refeição ou refresco num dia muito quente.

 

Por isso, delicie-se com um gelado e aproveite o bom tempo!

Artigo anterior

Antes de sair... prepare a sua casa para as férias

Próximo artigo

Polipose nasal: inflamação crónica da cavidade nasal