Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»Fórum Europeu para a Redução do Risco de Desastres decorre em Matosinhos

Fórum Europeu para a Redução do Risco de Desastres decorre em Matosinhos

Terramotos, inundações, deslizamentos de terra, avalanches, secas e temperaturas extremas: o efeito das mudanças climáticas requer uma abordagem integrada do risco de desastres para mitigar os impactos.

Pinterest Google+
PUB

O Fórum Europeu para a Redução do Risco de Calamidades 2021 decorre em Matosinhos, de 24 a 26 de novembro, para realçar a necessidade de abordar a natureza sistémica dos riscos, especialmente à luz da pandemia da COVID-19 e da emergência climática.

 

O evento é organizado pelo Gabinete das Nações Unidas para a Redução do Risco de Desastres em cooperação com o Acordo de Riscos Graves EUR-OPA do Conselho da Europa, a Autoridade Nacional para Emergências e Proteção Civil de Portugal e a Comissão Europeia.

 

O Fórum, um importante veículo para enfrentar os desafios europeus do risco de desastres, serve como uma plataforma para que as partes interessadas assumam uma responsabilidade compartilhada e assumam compromissos viáveis ​​para reduzir o risco de desastres.

 

VEJA TAMBÉM: MAIS DE 100 LÍDERES MUNDIAIS CELEBRAM ACORDO PARA ACABAR COM DESFLORESTAÇÃO ATÉ 2030

 

Em comunicado, o Conselho da Europa refere que a conferência permite que governos e especialistas troquem experiências sobre práticas bem-sucedidas e abordagens inovadoras para prevenir, reduzir e gerir o risco de desastres.

 

Plano para 2021-2025

Como parte do Fórum, o Acordo de Riscos Graves EUR-OPA realizará a sua 14ª Reunião Ministerial. Os ministros pretendem adotar um Plano de Médio Prazo 2021-2025 e recomendações sobre “Inclusão de migrantes, requerentes de asilo e refugiados em emergências de saúde pública resultantes de pandemias virais ou outras patogênicas” e “Capacitação e proteção de pessoas com deficiência antes, durante e depois emergências de saúde pública resultantes de pandemias virais ou outras pandemias patogénicas”.

 

O Acordo sobre Riscos Graves EUR-OPA é uma plataforma de cooperação no domínio das grandes catástrofes naturais e tecnológicas entre a Europa e o Sul do Mediterrâneo. O seu campo de competência cobre a redução do risco de desastres, conhecimento, prevenção, preparação, gestão de risco e análise pós-crise.

 

Os principais objetivos do Acordo sobre Riscos Graves EUR-OPA são reforçar e promover a cooperação entre os Estados-Membros num contexto multidisciplinar para garantir uma melhor prevenção, proteção contra riscos e uma melhor preparação em caso de catástrofes naturais ou tecnológicas graves.

 

 

Artigo anterior

Iniciativa gratuita ajuda a combater o Greenwashing

Próximo artigo

Os sete pecados digitais a não cometer nesta Black Friday