Home»BEM-ESTAR»CORPO»Fórmulas do Ayurveda para a beleza

Fórmulas do Ayurveda para a beleza

O Ayurveda é uma ciência milenar que se caracteriza por ter uma visão global do ser humano, ou seja, uma visão holística. A beleza, sendo uma das componentes exteriores da saúde no Ayurveda, é reflexo dos alimentos que ingerimos diariamente.

Pinterest Google+

Para a medicina Ayurveda nós “somos aquilo que somos capazes de digerir”, pelo que é de extrema importância termos muito cuidado com os produtos que aplicamos no nosso maior órgão, a pele.

 

Através da pele ocorrem processos de absorção para o interior do nosso organismo, pelo que devemos aplicar nela apenas produtos ou alimentos que possam ser ingeridos e digeridos, de forma a preservar a nossa saúde e a prevenir o acumulo de toxinas no nosso organismo.

 

Na medicina Ayurveda, os atributos da pele dependem de pessoa para pessoa, tendo em conta o seu dosha, que é traduzido por biótipo ou humor biológico. Através de uma consulta de diagnóstico, realizada por um médico ou terapeuta de medicina Ayurveda, definimos qual a constituição da pele e o dosha que está em desequilíbrio, ou seja, o dosha que precisamos de tratar.

 

Com este diagnóstico iniciamos o tratamento adequado a nível dietético, fitoterápico e outros procedimentos terapêuticas recomendados no Ayurveda.

 

Veja também: Osteopatia, uma abordagem integral ao corpo humano

 

Existem três doshas:

– O kapha (terra e água), associado à pele oleosa e macia e à faixa etária até aos 24 anos de idade.

– O pitta (fogo e água) associado à mista e ligeiramente oleosa e à faixa etária dos 25 aos 60 anos.

– O vata, (ar e éter) associado à pele seca, e à faixa etária a partir dos 60 anos.

 

Com a verificação do tipo de pele e o dosha é possível atribuir os ingredientes mais indicados a utilizar no processo de tratamentos de rosto.  Para ‘’alimentar’’ a pele são sete os passos essenciais, de forma a potenciar os benefícios de cada alimento, de acordo com o Ayurveda. É fundamental que todos os alimentos utilizados nos tratamentos possam ser ingeridos como parte da alimentação diária.

 

Veja também: Já ouviu falar em vigorexia?

 

1º Passo – Limpeza e higienização da pele com água de rosas (este passo é transversal a todos os tipos de pele).

2º Passo – Aplicação de óleo de sésamo (este passo é transversal a todos os tipos de pele).

3º Passo – Sudorização, Swedana. A palavra sweda é derivada do sânscrito swid, que significa “suar ou transpirar”, sendo que este passo é o processo de induzir o suor com a ajuda de vapor. O objetivo é abrir os poros para a pele absorver melhor o óleo de sésamo.

4º Passo – Aplicação de uma máscara exfoliante, sendo que neste passo a aplicação deve ser feita de acordo com o tipo de pele / dosha e deixar atuar durante 10 minutos.

5º Passo – Limpeza e tonificação com água de rosas (este passo é transversal a todos os tipos de pele).

Artigo anterior

Rir é o melhor remédio

Próximo artigo

Primavera - Como a epigenética molda a vida