Home»FOTOS»Finlândia lança primeiro pão do mundo feito com insetos

Finlândia lança primeiro pão do mundo feito com insetos

Depois dos hambúrgueres na Suíça, agora é a vez da Finlândia estrear-se na alimentação à base destes invertebrados. Quem provou este pão feito com farinha de grilos diz que não nota qualquer diferença em relação ao pão convencional. E é rico em proteína.

Pinterest Google+

A empresa finlandesa Fazer Bakeries lançou, na quinta-feira, o que disse ser o primeiro pão do mundo à base de insetos a ser oferecido aos consumidores em lojas, revela a agência Reuters. O pão, feito com farinha de grilos secos, farinha de trigo e sementes, contém mais proteína que o pão de trigo normal. Cada pão contém cerca de 70 grilos e custa 3,99 euros, em comparação com os 2 a 3 euros que um pão de trigo regular custa neste país do norte da Europa.

 

«Este pão oferece aos consumidores uma boa fonte de proteína e também é uma maneira fácil de se familiarizarem com os alimentos à base de insetos», disse à Reuters Juhani Sibakov, chefe de Inovação na Fazer Bakeries. Veja imagens na galeria acima.

 

VEJA TAMBÉM: HAMBÚRGUERES DE INSETOS NOS SUPERMERCADOS SUÍÇOS

 

A procura de novas fontes de alimento e o desejo de tratar os animais com mais dignidade levaram ao aumento do interesse em usar insetos como fonte de proteína em vários países ocidentais. «Não sinto a diferença … sabe a pão», disse à Reuters Sara Koivisto, uma estudante de Helsínquia depois de experimentar o novo produto.

 

Recorde-se que a segunda maior cadeia de supermercados na Suíça, a Coop, estreou-se na Europa com a venda de produtos feitos à base de insetos, no passado mês de agosto. Os hambúrgueres e as almôndegas foram os primeiros a chegar às prateleiras. Outros países europeus também já permitem a comercialização de alimentos à base de insetos, nomeadamente a Bélgica, Áustria, Dinamarca, Holanda e Reino Unido.

 

VEJA TAMBÉM: FONTES DE PROTEÍNA PARA VEGETARIANOS/VEGANS

 

Sibakov disse que a empresa tem o pão desenvolvido desde o verão passado, mas teve de esperar que a legislação fosse aprovada na Finlândia para fazer o lançamento. Devido a uma oferta limitada de grilos, o pão só será vendido inicialmente em 11 lojas da Fazer, localizadas em hipermercados da região de Helsínquia, mas a empresa planeia disponibilizar o pão de grilos nas suas 47 lojas no próximo ano.

 

A ingestão de insetos, ou entomofagia, é comum em grande parte do mundo. As Nações Unidas estimaram no ano passado que pelo menos 2 mil milhões de pessoas comem insetos e mais de 1.900 espécies são usadas na alimentação. Nos países ocidentais, os insetos comestíveis estão a ganhar força em nichos de mercado, particularmente entre aqueles que procuram uma dieta isenta de glúten ou que desejam proteger o meio ambiente, porque os insetos agrícolas usam menos terra, água e alimentos do que a criação de animais.

Artigo anterior

Adolescere

Próximo artigo

10 dias, 10 feijoadas para provar