Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»Festival ao Largo está de volta para 13 noites de espetáculos gratuitos

Festival ao Largo está de volta para 13 noites de espetáculos gratuitos

A 12ª edição do festival que traz a música erudita e os espetáculos clássicos para a rua decorre de 10 a 25 de julho. São noites em festa para celebrar a música e a dança com intérpretes de excelência.

Pinterest Google+

É no pátio do Palácio da Ajuda, em Lisboa, que a paixão pela música e pela dança volta a fervilhar, entre 10 a 25 de julho, num ambiente especial de grande partilha entre público e artistas. Nesta 12ª edição, a programação musical centra-se como habitualmente na Orquestra Sinfónica Portuguesa e no Coro do Teatro Nacional de São Carlos.

 

O festival é organizado pela O.P.A.R.T, com a participação dos corpos artísticos da Orquestra Sinfónica Portuguesa, do Coro do T.N.S.C e bailarinos da C.N.B. Irá ainda apresentar teatro, no âmbito de parcerias com o Teatro Nacional D.Maria II, São Luiz Teatro Municipal e  Orquestra de Oeiras de Cascais, mantendo o mecenato do Millennium BCP e o Lisbon Marriott como hotel oficial.

 

A abertura do festival é assinalada a 10 de julho, às 21h30,com o concerto de metais e percussão da OSP sob a direção musical de Pedro Neves. Nesta edição, a restante programação concentra-se nas seguintes datas:

 

11 de julho  – Grupo de Cordas da OSP e Octeto de Violoncelos com Soprano Susana Gaspar

 

12 de julho – Teatro Nacional de D.Maria II, texto e encenação de Tiago Rodrigues

 

VEJA TAMBÉM: ALDEIAS HISTÓRICAS DE PORTUGAL EM FESTA COM GARANTIA DE SUSTENTABILIDADE

 

13 de julho – Camerata Atlântica com tenor Carlos Guilherme, violino e direção musical: Ana Beatriz Manzanilla

 

14 de julho – Invicta all Stars com clarinete e direção musical de António Saiote

 

15 de julho – Coro Teatro Nacional S.Carlos: Petite Messe Solennelle com soprano Dora Rodrigues, meio-soprano Maria Luisa de Freitas, tenor Carlos Cardoso, baritono André Rodrigues sob a direção musical de João Paulo Santos.

 

17 de julho – Metropolis, piano Filipe Raposo, direção musical Cesário Costa e Orquestra Sinfónica Portuguesa

 

VEJA TAMBÉM: ESCRIVANINHA DE FERNANDO PESSOA E UMA RARA PRIMEIRA EDIÇÃO DA MENSAGEM EM EXPOSIÇÃO NO MUSEU DO PÃO

 

18 de julho – Música (Coro TNSC: Frank, Mozart, Faúra), soprano Alexandra Bernardo e Barítono Luís Rodrigues

 

19 de julho – Concerto da Câmara OSP com a direção musical de Joana Carneiro 20 de julho – Orquestra da Câmara de Oeiras e de Cascais, soprano Filipa Portela, violino Lilia Donkova e sob a direção musical Nikolay Lalov.

 

A Companhia Nacional de Bailado também participa no Festival ao Largo nos dia 23,24 e 25 de julho, às 22h, com a estreia absoluta de ‘Symphony of Sorrows’, com a coreografia de Miguel Ramalho, ‘Algo Ritmo’, com coreografia  de Xavier Carmo e Henriett Ventura e ‘Dom Quixote, com coreografia de Eric Volodine segundo Alexander Gorsky.

 

Para ver e conhecer a programação completa aceda ao site oficial do evento.

 

 

 

 

 

 

 

 

Artigo anterior

Psicologia: uma só palavra, muitos mitos e significados

Próximo artigo

Lidl lança coleção de lingerie sustentável