Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»FATACIl: dez dias de artesanato, turismo, agricultura e… música

FATACIl: dez dias de artesanato, turismo, agricultura e… música

A promoção de produtos tradicionais e de artes quase extintas fazem desta uma feira muito apetecível, que recebe anualmente cerca de 180 mil visitantes. Para além da diversidade de artesanato, comida, música e diversão, o cartaz é também um chamariz para a maior feira a sul do Tejo. Gabriel o Pensador, Mariza e Richie Campbell são alguns dos artistas convidados.

Pinterest Google+

Arranca hoje aquele que é considerado o maior evento a sul do tejo, a FATACIL – Feira de Artesanato, Turismo, Agricultura, Comércio e Indústria, em Lagoa, no Algarve. Durante dez dias, passam pelo certame mais de 180 mil pessoas, sendo este ano a sua 39ª edição.

 

A Câmara Municipal da Lagoa assume a liderança desta edição e reafirma o certame como o maior evento do verão algarvio e centro de dinamismo económico da região.  Em 2018, a feira destaca uma vez mais os vinhos da região e aposta na valorização da gastronomia local.

 

VEJA TAMBÉM: DE NORTE A SUL E ILHAS: TERRAÇOS PARA APROVEITAR AS NOITES DE VERÃO

 

Espalhados por todo o recinto, cerca de 700 expositores divulgam produtos suscetíveis de satisfazer um vasto espectro de interesses. Os apreciadores de artesanato português, e algarvio em particular, têm aqui uma mostra bastante variada. Desde artigos de tecelagem aos cobres e ferro forjado, passando pelas rendas, objetos em madeira, olaria e cerâmica, peças em cortiça, vime e cestaria, ou as tipicamente algarvias bonecas de Martim Longo e Querença.

 

Da mesma forma, quem pretende levar para casa exemplos da tradicional gastronomia algarvia descobre na FATACIL os genuínos enchidos (morcelas e farinheiras) e presuntos; doces regionais à base de figo, amêndoa e farinheira; frutos secos; aguardente de medronho e licor de figos ou saborosos queijos de ovelha.

 

VEJA TAMBÉM: GOSTA DE VIAGENS GASTRONÓMICAS? SEIS DESTINOS DELICIOSOS A NÃO PERDER

 

É também possível encontrar artesanato proveniente dos cinco continentes, assim como as mais recentes novidades dos sectores comercial, industrial e agropecuário. E é a oportunidade ideal para conhecer o que têm para oferecer e como funcionam entidades tão distintas como autarquias, escolas, instituições de solidariedade social, organismos da administração central e regional, coletividades e regiões de turismo. Nesta feira de artesanato, também se pode desfrutar de boa música enquanto se aprecia a variedade de pratos típicos nos vários restaurantes situados no recinto musical.

 

A Feira de Artesanato, Turismo, Agricultura, Comércio e Indústria de Lagoa realiza-se anualmente durante 10 dias no mês de agosto, no Parque de Feiras e Exposições de Lagoa, desde 1980. Desde então, tem vindo a receber milhares de visitantes vindos de todos os pontos do país, não só motivados pela sua vertente da promoção das artes tradicionais já quase extintas, mas também pelos concertos que apresenta todos os dias. Veja o cartaz abaixo.

 

Cartaz:

– Gabriel o Pensador

– Mariza

– Virgul

– HMB

– José CID

– Quim Barreiros

– Amor Electro

– Carolina Deslandes

– Richie Campbell

– C4 Pedro

 

 

 

 

Artigo anterior

Cuidados com os pés no verão: recomendações da Associação Portuguesa de Podologia

Próximo artigo

O corpo de praia ideal? É o seu e temos o fato de banho certo para o comprovar