Home»ATUALIDADE»ESPECIALISTAS»Endometriose: reprodução e saúde da mulher

Endometriose: reprodução e saúde da mulher

Esta doença afeta 10% de pessoas em idade fértil, ou seja, 176 milhões de mulheres no mundo.

Pinterest Google+
PUB

O endométrio é o nome da camada interna do útero, uma região muito vascularizada e cheia de glândulas que permitem que se aloje um embrião. É o tecido do endométrio que descama e gera o sangramento da menstruação a cada 28 ou 30 dias.

 

A endometriose é uma doença benigna que resulta do crescimento do endométrio para a cavidade externa do útero. Nalgumas mulheres as células do tecido do endométrio migram no sentido oposto, podendo chegar à cavidade abdominal por multiplicação. Isto promove uma inflamação chamada endometriose.

 

Esta doença afeta 10% de pessoas em idade fértil (176 milhões de mulheres no mundo).

Atualmente existem vários estudos que relacionam os fatores epigenéticos de influência (meio ambiente, alimentação, hábitos de vida e etnia) a esta patologia, associados a modificação da microbiota do ambiente vaginal e intestinal.

 

É uma doença que se torna dolorosa e por vezes incapacitante para o desempenho das atividades diárias. Os principais sintomas são: dores difusas na região abdominal e costas, ciclos menstruais prolongados e abundantes e infertilidade.

 

Hoje em dia já se procede a uma cirurgia de embolização (corte da circulação de irrigação) da região afetada por adenomiose. O professor Martins Pisco, do Hospital de St Louis de Lisboa, foi o pioneiro mundial deste método, com cerca de 2000 mulheres operadas com sucesso desde 2014 até hoje. Atualmente esta prática já se utiliza em muitos países.

 

Apesar deste sucesso, a prevenção é ainda a melhor solução e a mais saudável. Sobretudo porque a investigação científica ainda não definiu quais as principais causas desta patologia tão incómoda e incapacitante.

 

A mulher a partir da menarca e até à menopausa com histórico familiar da doença deve ter uma alimentação equilibrada, isenta de lácteos, de carnes vermelhas, tomar cerca de dois litros de água por dia para evitar a obstipação. Precisa ainda de um reforço de alimentos com nutrientes ricos em ómegas e antioxidantes. Deve praticar exercício físico e não fumar.

 

Importa destacar que é necessário fazer um reforço de simbióticos para proteção da microbiota intestinal e vaginal pelo menos três vezes por ano. Todos os anos deve consultar um especialista em saúde da mulher.

 

PERGUNTAS

1 – Como posso saber se tenho endometriose?

Se tiver ciclos abundantes e muito prolongados, com dores abdominais fortes, dores durante o ato sexual, dores de cabeça e episódios de extrema fadiga, entre outros sintomas que variam de mulher para mulher, deve procurar um especialista para realizar exames de imagem e exames de laboratório.

 

2 – A endometriose causa infertilidade?

Pode causar quando existe uma adenomiose, que é uma doença que ocorre quando pedaços do endométrio surgem no miométrio e provocam sangramentos cíclicos na camada muscular do útero.

 

3 – Há mais de um tipo de endometriose?

Sim, existem três variantes desta doença;

– Endometriose superficial, que é comum e atinge menos de 5mm do tecido da superfície e se trata por embolização. Por norma atinge os ovários, o peritónio a bexiga e o útero.

– Endometriose ovariana, que ocorre com o surgimento de nódulos, formados a partir do sangue que se aloja no decorrer do ciclo menstrual. Deve-se remover estes nódulos por cirurgia, para prevenir a infertilidade.

– Endometriose profunda ou infiltrativa que tem uma profundidade maior de 5mm no peritónio, afetando o colo do útero, intestinos e ligamentos uterinos. Esta é a forma mais grave, causando adenomiose. Deve ser tratada por embolização.

 

4 – Os anticoncecionais (pilula)tratam a endometriose?

Não, apenas reduzem temporariamente os sintomas enquanto se toma o medicamento. Quando interrompido os sintomas voltam.

Artigo anterior

Descoberta abre caminho para a utilização do nylon em têxteis eletrónicos vestíveis

Próximo artigo

O meu filho é gamer. E agora?