Home»GLAMOUR»CELEBRIDADES»Empresa de Jessica Alba processada novamente

Empresa de Jessica Alba processada novamente

‘The Honest Company’ foi fundada por Jessica Alba em 2011 e foi avaliada em quase 90 milhões de euros, no ano passado.

Pinterest Google+

‘The Honest Company’, a empresa de produtos ‘amigos do ambiente’ para a casa, de beleza e de bebé de Jessica Alba, foi processada, na semana passada, por alegadamente enganar o consumidor.

 

A queixa foi feita por Margo Smtih que justifica a sua ação dizendo que «os detergentes líquidos tão populares da marca são comercializados de forma enganosa», segundo o site online ‘Fashionista’. Ao que parece, os produtos da marca da atriz clamam não conter na sua composição lauril éter sulfato de sódio. No entanto, foram feitos alguns testes cujos resultados foram publicados pelo jornal ‘Wall Street, a 10 de março, que encontraram ‘quantidades significativas dessa mesma substância.

 

Esta não é a primeira vez que ‘The Honest Company’ é processada. A empresa já enfrentou um processo semelhante quando apresentou produtos dizendo serem naturais, mas com uma referência de 41 substâncias diferentes na sua composição. No ano passado, a empresa foi alvo, também, de duas ações judiciais coletivas devido à ineficácia de um protetor solar.

 

Veja a galeria: As famílias mais influentes da atualidade

 

Em jeito de resposta ao relatório divulgado pelo ‘Wall Street’, a empresa defende-se dizendo que a marca utiliza sulfato de côco de sódio e não lauril éter sulfato de sódio, pois são diferentes, sendo que o primeiro só pode ser feito a partir de óleo do côco cru, enquanto o segundo é feito a partir de óleo de palma ou de petróleo.

 

Se o caso tomar proporções maiores, a empresa pode enfrentar sério danos na sua reputação e não só.

 

 

Artigo anterior

Desabafos de uma mãe cansada

Próximo artigo

Helen Mirren arrepende-se de nunca ter tido filhos