Home»VIDA»CASA & FAMÍLIA»É verdade que um cão de pelo curto suja menos a casa?

É verdade que um cão de pelo curto suja menos a casa?

Dizem-me muitas vezes que andam à procura de um cão de uma raça com pelo curto, porque suja menos a casa. Mas será que é mesmo assim?

Pinterest Google+
PUB

Todas as raças têm as suas particularidades e o tipo de pelo pode ser bastante diferente, por exemplo, temos cães de pelo curto, comprido e cerdoso.

 

Um cão de pelo comprido necessita de banhos mais regulares e idas ao Groomer para manter o corte da raça. E, em casa, temos de os escovar regularmente para retirar o pelo morto, e evitar a formação de nós e rastas. Desta forma diminuímos a queda de pelo.

 

Tive uma cadela Cocker Spaniel Inglês durante 12 anos e, pela minha experiência, o pelo comprido é mais fácil de limpar. Parece um contrassenso, mas não é.

 

VEJA TAMBÉM: UM CÃO PEQUENINO NÃO É UM BRINQUEDO

 

Para limpar o pelo do sofá, por exemplo, molhava a mão e passava pelo sofá ou usava um rolo com película autocolante. E com uma vassoura ou aspirador limpava rapidamente o pelo do chão, que tem tendência para se acumular junto às paredes e nos cantos das divisões.

 

O pelo curto, pelo contrário, espeta-se no sofá, nas almofadas, nos tapetes e é um pesadelo de tirar dos estofos do carro. Até com o aspirador é difícil retirar os pelos. Como minimizar a queda? Escovar, escovar e escovar.

 

Um cão de pelo curto, como o Labrador Retriever ou o Bouledogue Francês, é menos exigente a nível de grooming, mas tem de ser bem escovado e com regularidade para retirar o pelo solto e o subpelo (camada de pelo mais densa junto à pele). Se não o fizermos, vamos olhar para a casa e perguntar de onde vem tanto pelo.

 

Nas raças de cães com barbas, como o Yorkshire Terrier, o Cão de Água Português ou Fox Terrier de pelo cerdoso, o pelo morto não cai naturalmente, pelo que não vão sujar tanto a casa. Em contrapartida, por essa mesma razão, exigem cuidados regulares de grooming, caso contrário o pelo morto pode começar a fazer nós graves e causar desconforto ao cão.

 

Em todos os casos, um cão de companhia que partilha o nosso lar vive num ambiente com uma temperatura mais homogénea, por isso, há perda de pelo durante todo o ano.

 

Não vai conseguir encontrar uma raça com pelo que não suje a casa. E se pensa que um cão de pelo curto suja menos a casa, está enganado.

 

Artigo anterior

Espécies marinhas mais valiosas da Europa ‘reduzidas a uma fração’ em 2100

Próximo artigo

Bouquets românticos para oferecer no Dia dos Namorados