Home»BEM-ESTAR»COMPORTAMENTO»É uma pessoa emocionalmente inteligente?

É uma pessoa emocionalmente inteligente?

A inteligência emocional afeta a forma como gere o comportamento, lida com as complexidades sociais e toma decisões para alcançar resultados positivos. Tony Robbins, life coach com milhões de seguidores em todo o mundo, elaborou uma lista daquelas que são as características de alguém emocionalmente inteligente. Confira.

Pinterest Google+

– Todas as pessoas experimentam emoções, mas apenas um grupo seleto pode identificá-los com precisão à medida que ocorrem. Enquanto as pessoas ‘comuns’ identificam um sentimento como ‘mau’, as pessoas emocionalmente inteligentes podem identificar como ‘irritado’, ‘frustrado’, ‘oprimido’, etc.

 

– É curiosa sobre tudo e todos em seu redor.

 

– As pessoas emocionalmente inteligentes são flexíveis e estão em constante adaptação. Sabem que o medo de mudança é paralisante e uma ameaça grave para o sucesso e felicidade.

 

VEJA TAMBÉM: COSTUMA FAZER PHUBBING? PROVAVELMENTE TODOS OS DIAS

 

– Conhece os seus pontos fortes e como usá-los na sua plenitude, tentando sempre contrariar os pontos fracos.

 

–  Não se deixa afetar por opiniões ou comentários sarcásticos alheios.

 

– Não se ofende com facilidade, é uma pessoa confiante e tem uma mente aberta. É capaz de rir de si mesma sozinha ou com os outros porque sabe distinguir entre aquilo que é humor e aquilo que é uma ofensa.

 

VEJA TAMBÉM: SINAIS DE QUE O STRESS SE PODE ESTAR A TRANSFORMAR NUMA DEPRESSÃO

 

– Dá sem esperar receber nada em troca. Constroem relacionamentos fortes porque estão constantemente a pensar nos outros.

 

– Valoriza aquilo que tem. Cultivar uma atitude de gratidão melhora o humor, o bem-estar físico e energiza.

 

– Ter inteligência emocional significar saber como exercer o autocontrolo. Dizer ‘não’ a um novo compromisso honrando os compromissos existentes dá-lhe a oportunidade de os cumprir com sucesso.

 

– Não guarda rancor.

 

VEJA TAMBÉM: CANSA-SE COM FACILIDADE? POR VEZES, BASTAM SIMPLES CORREÇÕES

 

– Lidar com pessoas difíceis pode ser frustrante e desgastante, mas, para alguém que tem inteligência emocional, não é. Estas pessoas sabem quando estão perante uma interação tóxica e afastam-se desse tipo de pessoas imediatamente.

 

– Não define a perfeição como um alvo porque sabe que isso não existe. Não passa o seu tempo a lamentar-se do que não fez ou o que deveria ter feito de forma diferente e concentra-se no futuro e naquilo que pretende alcançar, mas sem ilusões.

 

– Separa os seus sentimentos a partir dos factos, a fim de escapar do ciclo de negatividade de se mover numa direção nova – uma perspetiva mais positiva.

Artigo anterior

A força do mel e da canela juntos: facto ou ficção?

Próximo artigo

De bruxa a vampiro: ideias para se mascarar neste Halloween