Home»FOTOS»Dieta baixa em hidratos de carbono pode afetar flora intestinal

Dieta baixa em hidratos de carbono pode afetar flora intestinal

Estas dietas têm muitos adeptos, pois são uma forma eficaz de perder peso. Porém, os hidratos de carbono são essenciais à nossa saúde e, segundo um novo estudo, a sua carência pode na verdade afetar a flora intestinal, cada vez mais associada ao bem-estar geral.

Pinterest Google+

Uma dieta rica em hidratos de carbono normalmente é associada a um aumento de peso, mas se reduzir drasticamente o consumo dos mesmos pode afetar drasticamente a sua flora intestinal. Esta foi a conclusão que uma nova pesquisa, que usou um ‘simulador do intestino humano’ para estudar os efeitos de diferentes dietas no intestino humano, chegou. Segundo os investigadores da Universidade de Wright, em Dayton, Estados Unidos da América, a dieta que adotamos costuma ter um efeito muito complexo nos nossos intestinos e na sua composição bacteriana e este estudo pretendeu compreender qual é a dieta que traz mais ganhos, se é uma rica em hidratos de carbono ou se é o contrário.

 

Uma das dietas que cada vez mais pessoas segue para perder peso e que se acredita que traz vários benefícios (para o coração ou para manter um cérebro saudável) é baixa em hidratos de carbono e rica em gordura. Mas estudos alertam para a insegurança e o elevado risco de mortalidade que este tipo de dietas pode trazer. Uma dieta com poucos hidratos de carbono e com um alto nível de gordura pode afetar a sua microbiota intestinal, mais conhecida como flora intestinal.

 

VEJA TAMBÉM: BATATA-DOCE: DESCUBRA OS ENCANTOS DESTA DOCE RAIZ

 

Para os investigadores que usaram um ‘simulador do intestino humano’ para compreenderem o que pode ser encontrado no interior do cólon humano, as dietas pobres em hidratos de carbono e ricas em gordura contribuem para a diminuição de várias bactérias importantes na flora intestinal, que ajudam na degradação das proteínas e nos hidratos de carbono. Quando os hidratos de carbono são ‘digeridos’ pelo organismo, estes libertam ácidos benéficos para o organismo que ajudam a combater inflamações e a reduzir o risco de contrair cancro no cólon.

 

Neste estudo, os investigadores utilizaram amostras fecais de um conjunto de dadores para poderem recriar o interior do cólon humano. Depois, adicionaram nutrientes de uma dieta ocidental equilibrada e de outra pobre em hidratos de carbono e com um alto teor de gordura. Em seguida, este grupo estudou as alterações que estavam a acontecer aos nutrientes. «Os efeitos benéficos e prejudiciais relativos às dietas ricas em hidratos de carbono e gordura são objeto de vários estudos e debates, mas raramente é tido em atenção de que forma os macronutrientes dessa dieta vão afetar o meio ambiente do cólon e a sua flora intestinal», explica um dos autores deste estudo e professor na Universidade de Wright, Oleg Paliy, segundo o site Medical News Today.

 

VEJA TAMBÉM: SUPER DIETA: OS VEGETAIS MAIS BAIXOS EM HIDRATOS DE CARBONO

 

Uma dieta sem hidratos de carbono e apenas com gordura levou, segundo os autores, «a uma diminuição substancial na produção de ácidos gordos e antioxidantes na região do cólon do intestino, o que pode ter consequências negativas para a saúde».

 

Para garantir a saúde do seu intestino, realize uma dieta equilibrada e coma alguns destes alimentos ricos em hidratos de carbono e que vão fazer maravilhas à sua saúde. Na galeria acima pode conhecer alguns alimentos ricos em hidratos de carbono que fazem muito bem à saúde.

Artigo anterior

Truques para aprender uma nova língua

Próximo artigo

Portojóia mostra o que está a mudar na joalharia portuguesa