Home»GLAMOUR»LUXOS»Diamante rosa de 56 milhões de euros vai voltar a leilão

Diamante rosa de 56 milhões de euros vai voltar a leilão

‘A Estrela Cor-de-rosa’ é o maior diamante cor-de-rosa do mundo. Vai voltar ao mercado em abril e promete atingir um valor de venda astronómico.

Pinterest Google+
PUB

Um diamante de 59,60 quilates conhecido como ‘The Pink Star’ (‘A Estrela Cor-de-rosa’, em português) será leiloado, novamente, a 4 de abril em Hong King,  e poderá atingir um valor de 56 milhões de euros, três anos depois de ter sido vendido por ainda mais.

 

O diamante será leiloado pela conhecida casa de leilões Sotheby’s. Em novembro de 2013, um leilão em Genebra, Suíça, feito para vender a pedra rosa obteve um recorde mundial de 77 milhões de euros, mas o comprador, o cortador de diamantes Isaac Wolf, de Nova Iorque, não conseguiu pagar esse preço. Mas com a venda bem sucedida de diamantes coloridos nos últimos tempos, a casa de leilões considera que é uma boa altura para voltar a por esta pedra no mercado.

 

Veja também: A casa mais colorida dos EUA está à venda

 

«Nos últimos anos, tivemos diamantes coloridos com um desempenho extremamente bom. Foram criados imensos novos registos para leiloar diamantes coloridos, rosa e azuis principalmente, por isso, pensamos que é um bom momento para trazê-lo novamente para o mercado», adianta David Bennet, presidente mundial da divisão de jóias da Sotheby’s, à ‘Reuters’.

 

O diamante foi inicialmente extraído pela De Beers, em 1999, no Botsuana como um diamante bruto de 132,5 quilates antes de ser cortado e polido. A sua fórmula refinada e ajustada, o seu tamanho extraordinário de 59,60 quilates, a par da sua riqueza de cores «supera qualquer registo conhecido de diamantes rosa na história», afirma Bennett.

Artigo anterior

O novo projeto de luxo da Porsche não é um carro... é uma torre residencial de 60 pisos

Próximo artigo

E a cidade mais cara do mundo é...