Home»LAZER»DICAS & VIAGENS»Destinos para visitar na Alemanha com direito a mergulho

Destinos para visitar na Alemanha com direito a mergulho

Uma das campanhas do Turismo Alemão para o ano em curso tem como tema ‘German Summer Cities’. Há cidades para todos os gostos, mais românticas ou mais culturais, mas onde a água tem lugar de destaque. Seja no mar, rio ou de lago, aqui pode dar um mergulho refrescante após a visita às principais atracões.

Pinterest Google+

BERLIM

Monumentos históricos, arte antiga e contemporânea, amplos espaços verdes, até noites que se prolongam pelo dia seguinte: a capital alemã seduz pela sua diversidade e é por isso que é um dos destinos alemães preferidos dos turistas, portugueses incluídos.

 

Da lista dos lugares incontornáveis fazem parte o Muro de Berlim –  este ano comemora-se o 30º aniversário da sua queda – e a East Side Gallery, a maior galeria ao ar livre do mundo, com mais de 1.300 metros de muro pintado por artistas. O parlamento alemão, Reichstag, cuja cúpula foi projetada pelo famoso arquiteto Norman Foster, oferece uma vista incrível. Há a visitar também a Porta de Bradenburgo, edificada em 1791 e que se transformou no principal ícone da cidade.

 

Museus tem cerca de 170, cinco dos quais concentrados na famosa Museumsinsel, ou ilha dos museus, classificada Património Mundial e com obras imperdíveis como o busto da rainha egípcia Nefertiti. Acrescem aproximadamente 300 galerias de arte e espaços únicos como a Boros Collection, com arte desde os anos 90 aos nossos dias exposta num bunker construído em 1942.

 

Gastronomia de muitos pontos do mundo fazem da visita a Berlim uma experiência para todos os gostos e quem segue o regime vegan tem à disposição cerca de 90 restaurantes. Cervejas para provar também abundam, claro, nomeadamente a da própria cidade, a Berliner Weisse.

 

Há muito para descobrir em Berlim, mas também muitos lugares onde relaxar em plena natureza dado que os espaços verdes ocupam nada menos de 30% da cidade. Vários lagos permitem excelentes momentos de descontração como o Schlachtensee, ótimo para nadar e até pescar.

 

VEJA TAMBÉM: A BAUHAUS FAZ 100 ANOS… E A ALEMANHA É O DESTINO DE 2019

 

MUNIQUE

É uma das mais visitadas na Alemanha e uma das preferidas dos portugueses. É também conhecida como Capital da Cerveja pois anualmente recebe milhões de pessoas na sua Oktoberfest, festa de arromba para visitantes mas igualmente para os residentes, que não perdem a oportunidade para exibir com orgulho os fatos tradicionais.

 

Não faltam biergärten, ou jardins de cerveja, nem espaços onde provar as salsichas brancas (weisswurst), entre muitas outras iguarias típicas, nomeadamente a Hofbraeuhaus, aberta desde 1589 e que continua a ser uma das mais concorridas cervejarias da cidade.

 

Palácios como o Residenz, moradia de duques e reis da Baviera entre 1508 e 1918, e o barroco Nymphenburg, com um fantástico jardim, proporcionam autênticas viagens no tempo. A oferta museológica é ampla, desde os reunidos na Kunstareal, onde fica o maior museu de arte moderna do país, a Pinakothek der Moderne, com obras de Picasso e Andy Warhol, entre muitas outras; ao Museu BMW ou ao recente MUCA, dedicado à arte urbana.

 

Das muitas atracões, a Neue Rathaus (ou Câmara Municipal), situada na animada Marienplatz, a praça principal, é mesmo de visita obrigatória. Vale a pena subir a sua torre para desfrutar da magnífica vista.

 

Outro grande atrativo é… o surf em plena cidade: nas ondas geradas por um desnível no rio Eisbach, os surfistas exibem-se durante todo o ano e têm sempre público a assistir na ponte da Prinzregentenstrasse. Trata-se de uma atividade reservada apenas a praticantes experientes mas quem quiser dar um mergulho durante a visita em Munique encontra no lago Feldmochinger uma alternativa tranquila e refrescante.

 

Artigo anterior

Da pele ao coração: as múltiplas razões para comer papaia

Próximo artigo

Quer emagrecer? Não se foque só no peso