Home»LAZER»DICAS & VIAGENS»Descubra a suite mais profunda do mundo

Descubra a suite mais profunda do mundo

Chama-se Sala Silvermine e está localizada numa antiga mina de prata, na Suécia, a 155 metros de profundidade. É considerada a suite mais profunda do mundo e está disponível para os mais corajosos.

Pinterest Google+

É considerada a suite mais profunda do mundo, por se encontrar a 155 metros de profundidade. Para além de lá se poder dormir, a Sala Silvermine é usada para visitas de tempo mais reduzido, nomeadamente jantar, beber um chá, simplesmente descer a uma profundiade que não atrai qualquer um e até realizar um casamento.

 

Localizada numa antiga mina de prata, na Suécia, a suite está cercada por galerias sinuosas e cavidades emocionantes. Quem lá quiser dormir uma noite terá de pagar cerca de 585 euros e levar roupa quente. Porém, informa a organização, apesar de durante todo o ano a temperatura constante na suite ser de 2ºC, esta é aquecida até 18 graus e a cama é equipada com uma capa grossa e um par extra de cobertores.

 

VEJA TAMBÉM: GRUTAS DE CASTELHANA: ARTE NATURAL COM MILHÕES DE ANOS

 

Não existe rede para falar ao telemóvel, mas os hóspedes terão um rádio para comunicar com a superfície. Está também disponível um guia em permanência para qualquer necessidade que surja durante a noite. Os hóspedes são presenteados com uma cesta com alimentos (queijo, biscoitos, frutas, vinho espumante e chocolate) e deixados sozinhos para aproveitarem a quietude da mina. De manhã, o guia serve o pequeno-almoço, após o qual os hóspedes são guiados de novo à superficie.

 

A mina esteve ativa entre 1500 e 1962, tendo sido uma das minas de prata mais importantes do mundo. O seu minério servia sobretudo para fazer moedas. Hoje, a mina é uma importante atração turística da Suécia. Para além de se poder dormir nas suas profundezas, existe também a possibilidade de se explorar as suas imensas galerias. Veja imagens na galeria acima.

Artigo anterior

Tubérculos: sabe o que são?

Próximo artigo

SNS arranca com projetos-piloto de promoção da atividade física