Home»FOTOS»‘Dear India’, o olhar de três jovens portugueses sobre a Índia em exposição em Lisboa

‘Dear India’, o olhar de três jovens portugueses sobre a Índia em exposição em Lisboa

Com entrada livre, a exposição cruza as perceções e emoções vivenciadas numa recente viagem ao país pelos artistas Carolina Piteira, HumanEyes e Roberto Zambino. Os artistas juntam pintura, documentário e fotografia em visões distintas, mas complementares deste país cheio de cores.

Pinterest Google+

Pintura, documentário e fotografia juntam-se numa exposição para mostrar a Índia autêntica e envolvente pelos olhares de três artistas da geração millennial. Com entrada livre, a exposição ‘Dear India’ cruza as perceções e emoções vivenciadas numa recente viagem ao país por Carolina Piteira (pintura), HumanEyes (documentário) e Roberto Zambino (fotografia).  A exposição está patente no número 134 da Rua da Conceição, em Lisboa, até 3 de junho.  Veja imagens na galeria de fotos acima.

 

Com ‘Dear India’, os artistas propõem-se trazer à capital portuguesa três olhares e três interpretações distintas, mas igualmente complementares das paisagens, vivências e cultura indianas, manifestadas através da expressão que caracteriza a arte de cada um. Veja o teaser abaixo sobre a exposição.

Deste projeto a três resulta também o lançamento de um livro solidário em que 100% do lucro das vendas reverte para a Fundação Pratham InfoTech. Este livro está à venda na exposição e posteriormente também online, por 25€. O livro conta com textos da antropóloga Rosa Maria Perez e é prefaciado por K. Nandini Singla, embaixadora da índia em Portugal.

 

A exposição ‘Dear India’, bem como o livro com o mesmo nome, nascem da vontade de estes jovens mostrarem que a comunicação e a partilha têm maior impacto do que a individualidade, juntando as três perspetivas sobre os momentos vividos nesta aventura que une propósito, arte e inspiração.

 

VEJA TAMBÉM: DANIEL MERLIN: «A PINTURA É UMA AVENTURA, É ENFRENTAR O DESCONHECIDO TODOS OS DIAS»

 

Com mais de 30 obras criadas por Carolina Piteira, 15 registos fotográficos de Roberto Zampino e registo vídeo que conecta cada momento partilhado pelos artistas, esta é uma exposição inovadora, característica desta geração ‘millenial’, que pretende inspirar e preservar o lado mais humano da comunicação.

 

Porque Carolina, Guilherme e Roberto acreditam que ter acesso à internet é hoje ter o mundo nas mãos, escolheram apoiar com os lucros da venda do livro a Fundação Pratham InfoTech. Afiliada da Pratham, esta organização sem fins lucrativos atua na Índia, junto das comunidades mais desfavorecidas, com o objetivo de reduzir o fosso digital, facilitar a adoção de tecnologias da informação e comunicação na educação e equipar crianças e jovens desfavorecidos com as competências e ferramentas que a atual economia global exige. O horário de funcionamento é das 14h00 às 20h00 de quarta-feira a domingo.

Artigo anterior

Chocolate na dieta? Sim, é possível!

Próximo artigo

Nestum: marca portuguesa celebra 60 anos