Home»VIDA»CARREIRA»De Chaves a Faro: líderes femininas fazem-se à Estrada Nacional 2

De Chaves a Faro: líderes femininas fazem-se à Estrada Nacional 2

Revista Liderança no Feminino desafiou líderes femininas nacionais a conhecer a percorrer a rota da Estrada Nacional 2 e conhecer o estado do tecido empresarial do país, desde Chaves até Faro.

Pinterest Google+

É a partir de hoje que a Revista Liderança no Feminino junta um grupo de líderes empresariais femininas para um roteiro pela Estrada Nacional 2 (N2), para dar a conhecer o estado do tecido empresarial do interior do território nacional.

 

Desde o Km 0, a revista Liderança no Feminino conta com o parceiro Sociedade Comercial C. Santos, que levará o grupo a percorrer desde Chaves até Faro a famosa Estrada Nacional 2 (N2) em três dias de descoberta, partilha de ideias, de confraternização e reconhecimento do melhor que o interior de Portugal tem para oferecer, mostrando como o seu tecido empresarial se tem reinventado e criado novos projetos empresariais.

 

Este primeiro grupo de líderes femininas com espírito aventureiro conta com a participação de Sandra Arouca, diretora da Revista Liderança no Feminino; Aida Chamiça,eExecutive coaching na ICF Portugal; Patrícia Gonçalves, diretora executiva do Grupo Monte; Custódia Rebocho, Ceo da Bluegrowth; Sofia Tavares, Ceo da Be Present; Rita Veloso, vogal do conselho de administração do Centro hospitalar da Póvoa de Varzim e Vila do Conde, Young Executive Leader International Hospital Federation; e de Joana Pessoa, fadista. A este grupo juntar-se-ão ao longo do percurso outras mulheres empreendedoras que trarão uma visão muito local do empreendedorismo feminino.

 

VEJA TAMBÉM: VOZ: 38% DO SEU IMPACTO INICIAL

 

Sandra Arouca apresenta esta expedição como «uma forma descontraída de podermos conhecer mais e melhor o interior do nosso País, percorrendo a EN2, e ver o que de melhor se está a fazer a nível de projetos empresariais nas mais diversas áreas e setores de atividade, onde as mulheres têm tido um papel preponderante e de liderança inegável. Esta será também uma ação que acreditamos poder vir a despertar o interesse de outras líderes para oportunidades que possam existir no interior, bem como inspirar outras a dar o salto para um empreendedorismo sustentável e responsável».

 

Este roteiro de descoberta empresarial feminina iniciar-se-á no dia 18, com a receção das participantes no Museu Contemporâneo Nadir Afonso, a convite da Câmara Municipal de Chaves, com uma degustação de Vinhos e iguarias da região de Chaves, seguida de uma visita às Termas Romanas e à Ponte Trajano. O dia terminará com um jantar na Taberna Benito, ficando todo o grupo hospedado no Hotel Casino de Chaves.

 

VEJA TAMBÉM: TRABALHAR A PARTIR DE CASA: O QUE FAZER?

 

O segundo dia desta expedição, 19 de setembro, levará as participantes a rumar a sul, reunindo com a Associação de Municípios da Rota da Nacional 2, para conhecer o projeto de dinamização e divulgação desta rota turística. Seguindo depois até Viseu, para uma prova de vinhos no Solar do Vinho do Dão, terminando o dia já no Alentejo, Évora, com um encontro com a CVR – Vinhos do Alentejo, onde participarão na vindima, na Quinta Plansel. O jantar de resumo do dia será no Restaurante Vinho e Noz e terminarão o dia no Hotel M’ar De Ar Muralhas.

 

O terceiro e último dia de expedição, dia 20 de setembro, levará a percorrer os últimos quilómetros da famosa N2 rumo a Faro, onde o grupo será recebido pelo executivo de Faro e Turismo do Algarve com uma visita à Ilha da Deserta. A expedição terminará com um almoço no Restaurante Cidade Velha, após terem percorrido mais de 738 quilómetros de um Portugal que se está a reinventar e é uma excelente sugestão para uma descoberta única de valores, tradições bem portuguesas.

 

 

Artigo anterior

Porque os diferentes vinhos pedem diferentes tipos de taças?

Próximo artigo

Um quarto com cheirinho a outono