Home»GLAMOUR»BELEZA»Da amamentação ao exercício: os mitos da mamoplastia segundo um cirurgião plástico

Da amamentação ao exercício: os mitos da mamoplastia segundo um cirurgião plástico

Amamentar após realizar uma mamoplastia de aumento ou de redução, praticar exercício físico após colocar implantes e a interferência na realização de mamografias são algumas das dúvidas que assolam as mulheres antes de realizarem uma mamoplastia. David Rasteiro, cirurgião plástico, tira estas e outras dúvidas.

Pinterest Google+

A mamoplastia é uma das cirurgias mais procuradas pelas mulheres portuguesas. Seja ela de aumento ou de redução, trata-se de uma cirurgia plástica que permite à mulher encontrar a forma ideal da sua mama. Contudo, esta é uma intervenção que causa inúmeras dúvidas às mulheres, seja pela própria cirurgias, seja pelas condicionantes que poderá, ou não, ter na atividade diária da mulher.

 

David Rasteiro, especialista em cirurgia plástica, enumera alguns dos mitos mais comuns relacionados com esta cirurgia. Licenciado em Medicina pela Faculdade de Medicina de Lisboa e especialista em cirurgia plástica, reconstrutiva e estética pelo Hospital de São José de Lisboa, salienta que o cuidado na escolha de um cirurgião plástico devidamente certificado pela Ordem dos Médicos e a gestão de expectativas são passos fundamentais para atingir o sucesso desta intervenção.

 

VEJA TAMBÉM: COMO RECUPERAR O VIGOR E BRILHO DA PELE SEGUNDO DERMATOLOGISTAS

 

A colocação de próteses mamárias causa cancro da mama?

Este é um mito há muito afastado por inúmeros estudos científicos que comprovam inequivocamente que a colocação de próteses mamárias não aumenta o risco de cancro da mama. É um procedimento altamente seguro e é recomendável que seja realizado por um cirurgião devidamente certificado pela Ordem dos Médicos.

 

Depois de realizar uma mamoplastia de aumento ou redução posso realizar mamografias?

Não há qualquer interferência das próteses de silicone com a realização da mamografia, nem da sua apreciação por um radiologista. Não existe, portanto, maior dificuldade em avaliar eventuais lesões da mama.

 

Só se deve realizar esta cirurgia após ter filhos?

O timing para a colocação das próteses mamárias não está ligado directamente com uma gravidez. Pode realizar a cirurgia antes da primeira gravidez ou entre gravidezes.  Contudo, se estiver a pensar ter um filho brevemente, deverá programar a cirurgia posteriormente à gravidez. A razão é simples, todas as mulheres sabem que após a gravidez e aleitamento materno a mama sofre alterações, pode aumentar, cair um pouco e até diminuir o seu tamanho. Neste caso, ao colocar as próteses mamárias após a gravidez poderá corrigir estas alterações normais da mama.

 

VEJA TAMBÉM: BARBA GRANDE E SEM PELOS NO CORPO: A NOVA TENDÊNCIA DE BELEZA MASCULINA

 

É possível amamentar com próteses mamárias?

Não há qualquer impedimento para amamentar após a realização de uma mamoplastia de aumento. Não há alteração da qualidade do leite, nem passa qualquer substância prejudicial para o bebé. A grande maioria das mulheres tem filhos após a cirurgia e amamenta sem problemas.

Artigo anterior

Um mundo em feltro para descobrir no Museu do Oriente

Próximo artigo

Sabia que hoje é o dia mais deprimente do ano?