Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»Cultura, viagens e experiências: o que os jovens europeus querem para unir a Europa

Cultura, viagens e experiências: o que os jovens europeus querem para unir a Europa

Pelo nono ano consecutivo, jovens de toda a Europa juntaram-se em Bruxelas para darem voz àquilo que querem para o território de amanhã. E não faltaram ideias inspiradoras para encontrar a unidade na cultura europeia diversificada.

Pinterest Google+

É preciso dar a conhecer a cultura de cada país aos jovens europeus. E isso consegue-se promovendo viagens e experiências, um pouco por toda a Europa, para que os jovens tomem contacto com a realidade diversificada do território e se unam em torno de uma realidade comum que é a Europa.

 

Esta é a grande conclusão que surgiu do nono encontro de jovens europeus, no evento Your Europe, Your Say (YEYS) 2018, organizado pelo Comité Económico e Social Europeu e que decorreu em Bruxelas, a 15 e 16 de março. Estudantes de 33 escolas secundárias de 28 Estados-Membros da União Europeia e de cinco países candidatos debateram o tema ‘Unidos na diversidade: um futuro mais jovem para a cultura europeia’.

 

VEJA TAMBÉM: GERAÇÃO STRESS: 25% DOS JOVENS SENTEM-SE ANSIOSOS OU STRESSADOS DIARIAMENTE

 

Os jovens europeus dizem que haver mais oportunidades para aprender línguas através de viagens, poder aceder a locais culturais europeus de forma mais acessível e preservar a cultura de cada país através da culinária e do artesanato podem inspirar os jovens europeus a descobrir diferentes culturas e a obter uma melhor compreensão do património cultural comum.

 

Durante intensos debates e workshops, os alunos discutiram como preservar o património cultural europeu e torná-lo mais atraente para os jovens europeus. As ideias incluíram temas importantes e altamente debatidos na Europa, como a igualdade, a segurança e a integração, o que poderia ser melhorado através de atividades culturais.

 

VEJA TAMBÉM: JOVENS ESTÃO A MUDAR PADRÃO DO CONSUMO DE CERVEJA

 

De todas as recomendações para enviar aos responsáveis políticos da UE, três propostas foram selecionadas:

– Ter oportunidade de descobrir outras culturas através de viagens. Este projeto sugere a criação de um programa especial de intercâmbio de estudos com aulas de idiomas, onde os alunos vivem em famílias de acolhimento e aprendem sobre novas culturas. «Se vai ver diferentes culturas, o jovem consegue apreciá-las muito mais e torna-se orgulhoso de ser europeu», explicou um estudante do Chipre, que apresentou esta recomendação.

Artigo anterior

Apimente rapidamente a sua relação (segundo uma sexóloga)

Próximo artigo

Aprenda a fazer guacamole