Home»FOTOS»Consumidores querem cada vez mais café com propriedades funcionais

Consumidores querem cada vez mais café com propriedades funcionais

As novas gerações estão a desbravar um novo mercado no que toca a esta bebida secular. Seja adicionando leites alternativos ou a recorrer a soluções de mobilidade, beber café está a ganhar uma multiplicidade de formas. São novos dados da consultora Mintel revelados a alguns dias do Dia Internacional do Café, que se celebra a 1 de outubro.

Pinterest Google+
PUB

Existem vários tipos e formas de beber café, mas com uma vida cada vez mais agitada e com as novas preocupações nutricionais os consumidores de café procuram cada vez mais soluções funcionais. Café gelado para o verão, a adição de leites alternativos ao de vaca e o acesso rápido e com mobilidade são algumas formas de beber a dose diária de cafeína que estão a ganhar cada vez mais adeptos.

 

A alguns dias do Dia Internacional do Café, que se celebra a 1 de outubro, a consultora Mintel apresentou os resultados de uma nova pesquisa, que indica que os consumidores de café necessitam cada vez mais de um café funcional e que esteja pronto a beber naquele instante.

 

Dois em cada cinco consumidores de café (42%) dizem que gostam de café frio e pronto a beber, pois ajuda-os a relaxar. Também café RTD (Ready To Drink – pronto a beber) está cada vez a crescer mais. Houve um crescimento de 31% nos últimos dois anos, e nesta categoria o café torrado é o mais consumido. Este é da preferência de 39,2% da população. Segundo a Mintel – e estes são dados relativos aos Estados Unidos – o café continuará a crescer, na casa dos 4%, até 2023 de uma forma estável.

 

VEJA TAMBÉM: NOVE SINAIS DE QUE ANDA A BEBER CAFÉ EM EXCESSO

 

«A inovação no segmento de cafés RTD está a incluir novos produtos que são inspirados em categorias de bebidas não convencionais. Além disto, esta pesquisa demonstra que os consumidores desta nova geração preferem beber café RTD do que o café normal. O interesse dos consumidores em bebidas melhores para a pessoa também está a aumentar e a moldar o mercado», conta Caleb Bryant, analista sénior de bebidas da Mintel.

 

Uma das formas de beber café é juntar leite. Muitos dos consumidores, que começam a ‘abraçar’ o movimento das bebidas alternativas, começam a escolher leite não lácteo para juntar ao  café. O leite mais escolhido, e que cresceu cerca de 198% no número de consumidores, é o leite de amêndoa. 36% dos consumidores de café RTD dizem que o seu café RTD ideal contém leite não lácteo.

 

«O leite não lácteo é um segmento de crescimento rápido do mercado de bebidas não alcoólicas, com muitos consumidores, especialmente iGens e Millennials, a trocar o leite de vaca por outro tipo de leite para colocar no seu café. Embora o leite de soja seja o mais utilizado para adicionar ao chá ou ao café, este está a cair em desuso. O leite de amêndoa está a começar a ganhar cada vez mais destaque», diz Caleb Bryant.

 

VEJA TAMBÉM: QUANTOS CAFÉS JÁ BEBEU HOJE? NUTRICIONISTAS EXPLICAM O SEU EFEITO NO ORGANISMO

 

Sobre as bebidas frias, os mais jovens são aqueles que estão a impulsionar o consumo de bebidas frias de café. Cerca de 28% dos iGens costuma pedir café gelado aromatizado. Esta geração, em conjunto com os Millennials, são aqueles que estão mais dispostos a consumir um café mais caro (38% vs 33% no geral) ou a experimentar um café que seja feito com grãos de café premium (31% vs 21% no geral).

 

«O movimento do café demonstra que uma população considerável de consumidores de café vê o café como algo que deve ser celebrado. Os Gen Xers, enquanto um segmento menor da população em comparação com Baby Boomers e os Millennials, são um dos principais alvos das lojas que oferecem bebidas de ‘terceira onda’, pois estes são mais propensos a consumir bebidas feitas com grãos de café premium», concluiu Bryant sobre o movimento, que está a mudar a forma como se bebe café.

 

Se aprecia café, sabe certamente que existem muitas variedades. Deixamos-lhe um dicionário detalhado com a descrição de todos os tipos de café e confira se já provou todos. Veja na galeria acima.

 

 

Artigo anterior

The Famous Fest: O festival mais engraçado está de volta a Lisboa

Próximo artigo

Boho Folk: Outonal rima com natural, certo?