Home»VIDA»CASA & FAMÍLIA»Como decorar um quarto de princesa

Como decorar um quarto de princesa

Quem nunca sonhou em ter um quarto de princesa, feminino, romântico, cheio de detalhes encantadores, que nos remetem aos sonhos de fantasia e brilho? Pode agora decorá-lo para a sua filha.

Pinterest Google+

Passar horas no toucador, a escovar o cabelo, a retocar o pó de arroz, enquanto a caixinha de música toca e a princesa dança. Se sonhou com este quarto, mas infelizmente não o teve, pode agora criá-lo para a sua princesa e viverem juntas esse sonho de meninas.

 

O toucador é onde a história começa. É a peça de destaque à volta do qual gravitam os acessórios de princesa. Pode adquirir um toucador novo, ou recuperar o velho toucador da sua avó e dar-lhe novo encanto.

 

A cama da herdeira do trono deve ser digna da realeza. Opte por um estilo romântico, estofada em capitoné, num tom claro, e adorne com uma bonita colcha e muitas, muitas almofadas. As rendinhas, os bordados, os laços estão na moda, por isso, não tenha medo de arriscar e use nas almofadas, nas molduras e nos vasinhos.

 

VEJA TAMBÉM: UM QUARTO E DUAS CRIANÇAS: COMO O DECORAR?

 

Escolha um bonito papel de parede, de cores suaves, com ou sem padrão, conforme a necessidade de criar amplitude ao espaço ou criar um efeito mais intimista. Forre as paredes todas, vai ver que o quarto fica mais aconchegante.

 

Por fim, adicione brilho. Tenha pelo menos um candeeiro, de pé ou de mesa, e o abatjour forrado com tecidos românticos. No teto poderá optar por candelabro de estilo clássico ou contemporâneo. Agora acenda a luz do seu reino…. quente e suave para um ambiente romântico e intimista.

 

Brilho: através da iluminação, candeeiros de pé, mesa e lustres.

Feminino: tons suaves de cor-de-rosa.

Romântico: toucador, rendas, bordados e laços.

Detalhes: carrossel, caixinha de música, quadros, almofadas (bordadas).

 

Veja agora a galeria de imagens para ver como decorar um quarto de princesa.

 

 

Artigo anterior

A magia do Óbidos Vila Natal está de volta

Próximo artigo

Não se deixe contagiar pelo stress natalício