Home»VIDA»CASA & FAMÍLIA»Como criar um mealheiro em família

Como criar um mealheiro em família

Seja nos subsídios de férias e de Natal, na devolução do IRS ou através de outra qualquer receita extra, esta é oportunidade perfeita para economizar e criar o seu colchão financeiro. Veja como o fazer.

Pinterest Google+
PUB

No mundo das finanças pessoais, regra geral, recomenda-se pôr de parte toda ou a maioria de qualquer renda extra que se receba. Supõe-se que com o salário consiga cobrir, pelo menos, as necessidades principais e o restante deve poupar, para salvaguardar alguma despesa adicional ou investimento no futuro.

 

No entanto, a realidade nem sempre é esta e os pagamentos extras vão tão rapidamente quanto chegam. Aparecem na sua conta geralmente em dois períodos-chave do ano em que as despesas se multiplicam: verão e Natal. Mas muitas pessoas investem tudo numas boas férias ou em presentes para a família.

 

O ideal seria não incluir os pagamentos extraordinários no esquema de gastos anuais, e sim colocá-los de parte, pelo menos uma percentagem.

 

Desta forma, será capaz de iniciar a máquina de poupança e começará a ver o seu mealheiro engordar a pouco e pouco.  Para evitar que o dinheiro voe, siga as dicas da Adecco na galeria acima.

 

 

VEJA TAMBÉM

COISAS DIVERTIDAS PARA FAZER SEM GASTAR DINHEIRO

FINANÇAS FAMILIARES: COMO RESOLVER PROBLEMAS DE DINHEIRO NO CASAL

ESTUDO: O EXERCÍCIO DEIXA-NOS MAIS FELIZES DO QUE O DINHEIRO

 

 

Artigo anterior

A hora vai mudar. Quantas horas devemos dormir?

Próximo artigo

Castanhas e caça: sabores de outono animam Bragança